24 de julho de 2012 06:04

Por Keka Demétrio

Quando eu tiver um amor vou ser feliz. Cansei de ouvir amigas falando sobre isso, que o que falta na vida delas é um amor. Confesso que já passei por isto também, mas estou aprendendo que querer um amor é diferente de estar preparada para viver o amor.

Ah, o amor, esse ‘fogo que arde sem se ver’, que consome nossos dias e pensamentos, nos paralisa e nos faz esquecer que a vida é feito uma colcha de retalhos que vamos tecendo ao longo do tempo.

Quando creditamos nossa felicidade ao fato de termos um cobertor de orelha ou não, estamos deixando passar todas as outras coisas que poderiam ser material para tecermos a vida com entusiasmo, fé, alegria, riso, e amor. Quem só deseja ter um homem ao seu lado não está preparado para tê-lo. É preciso antes saber saborear da sua própria companhia, não sentir-se intimidada a sentar-se em um restaurante sozinha, beber seu vinho, comer seu prato preferido e pagar a conta. E digo intimidada porque infelizmente ainda nos dias de hoje algumas pessoas vêem mulheres desacompanhadas nos restaurantes com um certo pré conceito.

Mas agora me fala, quantas pessoas você ouviu dizer com os olhos brilhando que está perdidamente apaixonada nos últimos meses? Ok, nos últimos dois anos? É, eu também não me lembro de nenhuma, a única coisa que me vem à memória é a mulherada dizendo que quer um amor, que falta um amor, e eu queria muito saber o que elas tem feito para que sejam merecedoras desse amor, ou se não estão idealizando demais. Ai lá vem a ladainha: é, sabemos que príncipes encantados não existem, e por isto estamos esperando o sapo sem a ilusão de que quando os beijar se transformarão.

Gente, mas perae, príncipes existem, sim! Ou acha que só você é perfeita, a mulher que todo homem deveria ter ao lado, e que não entende porque está solteira? Tem mesmo a pretensão de que só você pode ser a princesa da vida de alguém? Se você tem inúmeros defeitos, seu príncipe também deverá ter. Imagina alguém perfeito e imagine que tédio seria! Tudo seria previsível, tudo seria metodicamente calculado e pensado e gente assim é muito chata, porque a vida é feita de surpresas, de emoções descobertas no dia a dia. Se você pode ter defeitos, seu príncipe só não pode, como deve ter, porque se ele for perfeito ele não vai querer alguém imperfeito. Entendeu?

O que os tornam princesa e príncipe de verdade, é a forma como irão lidar com os defeitos um do outro. Se ambos forem perfeitos, não precisariam se relacionar, porque relacionamento é antes de tudo cumplicidade, entrega, desejo, paixão, compaixão, é saber falar e calar, chorar e sorrir, é caminhar no mesmo compasso para nenhum sentir-se à frente do outro, mas próximo o necessário para que as mãos não se soltem. Quem é perfeito não precisa de nada disso. Entendeu de novo?

Ao invés de ficar vendo o tempo passar esperando um amor, vá se preparar para recebê-lo, para ter capacidade de retribuir, porque como diz nosso amigo Neruda, “E desde então, sou porque tu és. E desde então és, sou e somos… E por amor Serei… Serás…Seremos…”

  • renatavaz11

    Olha só, eu estou completamente apaixonada pelo Orion. Tudo bem que às vezes eu o odeio e quero que ele morra, mas atualmente vivemos em love. hahahaha… Desisti de querer que ele mude. E isso não quer dizer que fico com ele pq é “o que tem para hoje”. Fico com o Orion porque ele é repleto de qualidades que jamais encontrei em outro homem. Parei de focar no que considero defeitos e aprendi a admirar o que ele tem de melhor. 🙂

  • Paula Regina

    Keka, aprendi, tem uns 27 anos – desde que comecei a namorar meu marido hahah – que perfeição não existe (ainda bem!) e que esperar demais do outro, além de ser uma total falta de carinho, comprometimento e afeição, é um fardo demasiadamente pesado e injusto para se carregar.

    Gostar e querer ficar junto precisa ser por todas as razões, menos a de estampar que tem alguém e não esta só.

    Certa vez eu ouvi, em um episódio da 1a temporada do seriado Glee, o professor Shuester dizendo à aluna Rachel que ela iria encontrar alguém que a amaria pelo que ela é, e que amaria até os defeitos dela e acrescentou: “vai te amar exatamente por eles” .
    Quer definição mais precisa?

  • CARLOS LUIDY

    KEKA MARAVILHOSA TEM UMA PEQUENA ENTRELINHAS QUE DESDE QDO ERA PEQUENO FALAVA ASSIM NOSSA ISSO FAZ TEMPO RSRS É ASSIM. O AMOR E COMO UMA CESTA CARREGADO POR DUAS BESTAS MAIS POR CAUSA DESTA CESTA TODO MUNDO QUER SER BESTA. KEKA É ISSO

  • kamila

    Sei bem como é isso… se eu for contar minha historia, VIXE! Mas resumindo, eu achava que só seria feliz quando arranjasse um amor… mas ele não aparecia nunca!!! kkkkk Eu já desesperada fui procurar na internet, aff… conheci um cara que apesar de louco, gostava de mim… bem, por um lado foi bom pq percebi que eu era desejada, que existiam pessoas que poderiam gostar de mim… já por outro, o cara bagunçou minha vida, e eu não fui feliz como imaginaria que seria se arranjasse alguem. Enfim… terminei tudo, mas dessa vez percebi o valor que eu tinha e fui feliz sozinha, passei a me amar. Vi que p/ ser feliz não precisa de ninguem!!! Bem… acabou que depois encontrei um verdadeiro príncipe, que me faz muuuito feliz! Mas acho que nosso amor é assim tão perfeito tb pq encontrei ele só depois de ter aprendido que devemos primeiro nos amar, p/ assim conseguir amar o outro.

  • Patricio Bentes

    SE A MULHERADA SEGUIR OS SEUS CONSELHOS,TENHO CERTEZA QUE NUNCA MAIS VÃO PRECISAR USAR QUALQUER HOMEM COMO “BENGALA”. MULHER DIGNA DESSE NOME BASTA A SI MESMA, O HOMEM É APENAS UM COMPLEMENTO.

  • Eu to apaixonada, muito apaixonada e to feliz porque sou correspondida.

    Eu fazia parte desse grupo que queria um amor e achava que não encontraria um, quer dizer, eu estava praticamente certa disso mas agora vivo algo completamente diferente.

    Faz falta, eu gosto de ter alguém ao meu lado, de namorar, de amar e ser correspondida.

  • Lais Tavares

    Nunca senti falta de uma companhia, porque eu adorava minha própria companhia e isso nunca foi um problema pra mim.
    Até aparecer alguém que me fez perceber que me faltava algo, caminhar de mãos dadas, abraços, carinhos, olhares…beijos!
    A partir de agora não sei como será minha vida. Tudo e todo dia é uma descoberta. Coisas que tem me tirado da rotina, coisas que tem colocado cor e movimento em minha vida.
    Não tenho a menor ideia do final dessa nova história, pode ser melhor ou pior, mas não me importa eu quero viver isso. E tenho certeza que tudo o que sinto é correspondido sinceramente.

  • “O que os tornam princesa e príncipe de verdade, é a forma como irão lidar com os defeitos um do outro.”
    Desse jeitinho mesmo! Mas ninguém nunca disse que seria fácil, né amiga?
    Cheiro…