2 de fevereiro de 2010 02:03

Por Renata Poskus Vaz

Quando idealizamos o Fashion Weekend Plus Size, dividimos muito bem nossas tarefas. Andrea Boschim cuidaria de todos os detalhes de produção, enquanto me esforçaria para divulgar nosso evento, as marcas e as modelos na mídia. Entre centenas de veículos que receberam nosso release, estava o Chic, site de Glória Kalil, tida como uma das maiores entendedoras de moda e boas maneiras do País.

Para minha surpresa, uma doce e educada jornalista do Chic me procurou, cadastrando-se para cobrir o FWPS. O nome dela é Yara Howe, que foi super cuidadosa entrevistando diversas modelos plus size nos bastidores e obervando todas as etapas do desfile. Yara, ao contrário de Glória Kalil, esteve presente no desfile, viu com seus próprios olhos todo o empenho e dedicação das pessoas envolvidas no FWPS e fez uma matéria muito bacana, conforme vocês podem conferir aqui.

Gloria Kalil, todavia, não compareceu. Mesmo assim, achou-se no direito de proferir comentários sobre as modelos do FWPS. Em artigo divulgado no dia 26 de janeiro, Glória Kalil inicia seu texto com a seguinte frase:

“Volto ao assunto: obesidade ou anorexia? O nome carinhoso para obesas é “fofa”, assim como o das anoréxicas é “magrinha”. As duas são anomalias e nem de longe padrão de beleza para ninguém da cultura ocidental moderna.”

Respeito a liberdade de expressão de Gloria Kalil, mas não quando é feita de forma irresponsável. Ao lado de seu texto, ela coloca a imagem de Julia Pires, de lingerie. Ou seja, dá a entender que a modelo plus size é uma anomalia. Agora eu pergunto: vocês sabem o que quer dizer a palavra anomalia? Veja alguns sentidos extraídos do dicionário Michaellis:

*Desvio acentuado de um padrão normal; anormalidade, desigualdade, irregularidade, monstruosidade.

*Aberração, exceção à regra

*Anormalidade social

Julia Pires não é uma aberração, não é um monstro e não é muito diferente de quase metade da população brasileira que, comprovadamente, tem sobrepeso ou obesidade mórbida. Ou seja, a cultura ocidental está bem mais cheinha do que enxerga os olhos e o simancol de Glória Kalil. Ela complementa o texto com a seguinte observação:

“Todo excesso, em qualquer uma das pontas, é sinal de distúrbio e, portanto, uma patologia a ser cuidada e combatida. O que eu gostaria de lembrar, porém, é que a obesidade hoje em dia é nitidamente um problema muito maior do que a magreza.”

Eu não sei em que faculdade de medicina Glória Kalil recebeu seu diploma. Não é segredo para ninguém que obesidade é sim um problema de saúde e que deve ser combatida de forma séria, para que as mulheres gordinhas sejam mais saudáveis e não para caberem em um manequim 38. Quando olhamos para uma mulher gorda, sabemos claramente que ela pode ter problemas de saúde como pressão arterial elevada e diabetes. Uma magra, nem sempre denuncia isso. Algumas acabam morrendo de anorexia, desnutridas sem que ninguém note. Portanto, medir qual o problema maior não ajuda em nada a solucionar nenhum dos casos. Não se trata de uma luta entre gordas e magras. Todas devem se cuidar.

“Saindo do cinema, passei a fazer uma enquete particular com um caderninho e lápis na mão: para cada duas de aparência de peso médio, há uma magra e quatro gordas, sendo que destas quatro, duas seriam consideradas gostosas ou popozudas. Ou seja, tem mais gorda do que magra por aí. Entre as mulheres mais velhas então, nem se fala. Para cada 10, oito são gordas (tipo sem cintura, pneu no estômago e no lombo).”

Acima, neste outro trecho, mais uma vez, Gloria Kalil se contradiz. Se o que ela ve mais nas ruas são mulheres gordas ou corpulentas, isso significa que este é o atual padrão de beleza ocidental moderno e não o elitista e preconceituoso que alguns formadores de opinião tentam empurrar nossa goela abaixo. Mas Glória Kalil não pára por aí:

“Não se trata, como querem alguns, que se aceite uma certa diversidade de pesos e tamanhos. Gente não é que nem carro, que pode ter tamanho pequeno, econômico, médio ou enorme. Há um equilíbrio saudável entre altura e peso que é o ideal da funcionalidade e da estética de um corpo que deve, sim, ser perseguido. Há, é claro, quem prefira as gostosas, outros preferem mais delgadas, mas tudo dentro de uma proporção em que qualquer tipo de a mais ou a menos não seja um absurdo.”

Gente é gente. E pode sim ter tamanho pequeno, econômico, médio e enorme. Isso se chama diversidade humana.  Proporções exatas deixamos para a Matel, que fabrica Barbies. Ter altura e peso equilibrados é sim o ideal para uma vida saudável. Nos últimos meses, médicos cansaram de dizer que quando uma pessoa tem uma vida saudável, com alimentação equilibrada e pratica atividades físicas, ter ou não um IMC politicamente correto não é um problema. Ninguém deve “perseguir” um ideal de beleza. Isso só gera frustrações e desencadeia distúrbios alimentares gravíssimos. Quem define o que é saudável ou não são os médicos e em análises particulares, individuais.  Consultoras de moda, mesmo que da “alta roda”, não tem este poder e competência. Vamos parar de querer tratar as pessoas por meio de revistinhas ou matérias na internet, sem conhecer seu histórico de saúde.

“Nossas modelos são lindas, altas e magras. Eu gosto. Não posso imaginar alguém colocando um só defeito numa Isabeli Fontana, por exemplo, e dizendo que ela é um cabide, sem formas e feita de ossos. Não vejo nada ali para se colocar ou tirar. O que eu gostaria que tirassem dela é a fórmula para ir buscar um corpinho igual!”

Eu também adoro a Isabelli Fontana e se fosse fácil crescer 10 cm e emagrecer 30 Kg aos 27 anos, juro que me esforçaria para alcançar este padrão. Padrão que representa apenas 1% da população brasileira. Eu não maltrato esses 1%, mas com o FWPS escolhi, ao lado de Andrea Boschim, dirigir-me aos outros 99%, sendo 50% deles de pessoas obesas ou com sobrepeso. Pessoas normais, que merecem respeito!Pessoas que fizeram da matéria de Yara Howe no site Chic de Gloria Kalil ser uma das mais lidas desta semana.

Não há de que, Glória!

Para conferir o artigo, clique aqui.



  • Essa mulher nessa idade ainda não aprendeu não julgar as pessoas? Uma pena

    Julia vc é anomalia mais linda que conheço 🙂

    bjssssss

    • Daniela Pierangelli

      Mais uma vez Glória Kallil emiti opinião equivocada e sem fundamento…uma vergonha para alguém apoiada pela rede globo!

      Que tal estudar sobre o assunto Glorinha?????

      • Maria Cecília

        Sobre a profissional Gloria Kalil…
        Tudo é uma questão de visão e respeito…
        Tudo eu posso pensar e achar… Mas nem tudo eu posso falar… Muito menos redigir…
        Querendo ou não você vive em um país gordo e um bom profissional se adapta ao diferente… Que nesse caso de diferente não tem nada, pois estamos no Brasil no país do MULHERÃO… O diferente de Gloria Kalil aqui no Brasil é muito comummmm…

        Não sou de fazer comparações, mas depois de ser comparada a uma anomalia por ser GORDA, acho interessante citar alguns profissionais da mesma area que a GLORIA, que são PROFISSIONAIS formadores de opnião e tem todo o carinho e zelo ao lidar com uma gordinha…

        Isabella Fiorentino e Arlindo Grundi….
        Esses lidam com gordo/magro, baixo/alto, branco/negro de uma forma tão carinhosa e respeitosa.
        Valorizando os pontos fortes, disfarçam os menos fortes e nos ensinam que antes de sermos avantajados no peso, somos mulheres lindas e que precisamos simmmmmm, sermos vaidosa e nos cuidarmos…

        Acho que existem GRANDES PROFISSIONAIS e profissionais…

  • Iracelis

    nOOOssaaaa eu peso 93 kg e calço 41 e tenho 1,77 de altura kkkkkkk então sou anormallll kkkk , meu maior problema é que não encontro calçados e nem roupass bonitasss mas ta explicado né pessoas grandes são consideradas anormais fazer oq

    • angélica

      gente, sinceramente me deu vontade de chorar ao ler isso, eu q admirava tanto a Gloria e seu trabalho fiquei mto decepcionada… e como Iracelis disse acima, eu tb tenho 1,78m, peso 120kg, e calço 40 (seria 39 se meu pé fosse magrinho).Não encontro roupas e calçados bonitos e condizentes com a minha idade (24), e espírito de jovem e alegre. Porém, como tudo na vida TEM jeito (inclusive gordura, se vc quiser arriscar sua vida com remédios, dietas loucas e cirurgias), encontro lojas específicas pra esse setor onde consigo me vestir como gosto e sou respeitada pelo que sou, uma pessoa bem sucedida, bem amada, bem casada, inteligente, mto bonita, mto feliz, com uma vida invejada por várias magrinhas “normais”.Agora, se querem um conselho?Deviamos nos reunir e mover um processo contra ela, em especial a Julia que teve sua foto exposta, exigindo que ela retrate-se publicamente e ainda, ressarça o dano causado àquelas mulheres que já tem baixa auto-estima e com esse artigo possam ter se sentido ainda mais inferiorizada!

      • Marli Maria

        Concordo plenamente com vc.Apoiadíssima.

      • Maria Cecília

        Cara Colegas,
        também sou uma mulher obesa, mas não me sinto anormal e nem dou o direito de outros me tratarem assim, mas como vivemos rodeadas de preconceitos, apoio SIM moverem um ação contra ela.
        Não somente pela exposição da foto de nossa amiga, mas para que essa SUPER EXPOSIÇÃO RUIM da imagem de Gloria Kalil a faça pensar e ponderar antes de falar, de gordos ou magros, azuis ou brancos…

        Finalizo deixando um abraço fraterno e imensooooooooo a todas gordinhas. E para Kalil deixo minha franca decepção.

  • Elisangela

    Sabe qual é o problemas dessas pessoas?
    São mau amadas!
    Elas não aceitam que nós,mulheres “gordas” “anormais”,sejamos felizes com o estilo de vida que temos e ainda por cima arrumarem maridos e sermos sempre sorridentes.
    E sinceramente,Gloria Kalil define o quê?

  • PatPinheiro

    e olha só… é a “Senhora Formadora de Opiniões do Mundo Fashion” falando… de maneira desrespeitosa, desprezível, nojenta!!!
    Pra falar a verdade, fez a leitora aqui sentir-se um E.T. enquanto passava os olhos pelo artigo!
    Mas depois pensei: quem é ela? o que ela sabe sobre problemas, ansiedades, alegrias e delícias de sermos mulherões?? Ela é só a capa e o osso!!! hahaha
    Daí foi só relaxar e revestir o que esse artigo me despiu: meu verdadeiro ego de mulherão!!!!

    • Renata

      Concordo com vc Pat, em gênero, número e grau ! O triste é que a mídia só “puxa o saco” de Gloria Kalil, enquanto deveria anunciar aos brados este lado tão tristemente preconceituoso e “tapado” de tão ilustre figura, não é????????

    • Carolina Figueiredo

      Booa PatPinheiro ! !

  • Paula Massoca

    Como é triste ver que as pessoas não enxergam o que está diante dos seus olhos!!!! Somos todas anormais então????? Anormais são os olhos de quem nos enxerga assim!!!!!

    Beijos meninas!!

  • Cristiane

    Olá!!!
    Meninas dias atrás li uma postagem no dia 26/01 com o título …Que chique!Matéria sobre o FWPS no site de Glória Kalil, onde de início tive a impressão que vcs estavão elogiando a reportagem da Glória, e da forma como esta escrito da este entendimento a muitas de nós leitoras…fiquei feliz qdo li aquela postagem…….mas hoje estou indignada com tais comentários
    Que pessoa pobre ……………

    • renatavaz11

      Cris, eu estava elogiando sim aquela reportagem feita pela jornalista Yara Howe. Mas não esperava que Glória Kalil fosse, um dia depois, usar as fotos da própria Yara para criar um artigo preconceituoso. Elas não seguiram a mesma linha de raciocínio.

  • Gente como pode existir pessoas assim, nunca gostei dela pois ela se acha, pq pra mim estilista como ela não é estilista , acho ela péssima, mas enfin…
    Gente essa palavra anomalia é forte, pois somos pessoas reais ,nem pessoas com anomalia tem que ser tratada assim, pois ela é uma pessoa hipocrita com a formação que tem falar uma coisa dessa, meu Deus…
    E pode crer que Julia Pires é linda, respeito tdos os tipos de corpos(sarados, magerrimos) ,mas é um absurdo , ela é uma pessoa baixa que pena dela que pensa dessa forma, mas enfin somos lindas, e a população brasileira é feita de pessoas com sobre peso e obesas , alias á maior parte, vcs arrasaram no desfile ensino embaixo…
    Sempre vai haver alguem p tentar acabar com nossos sonhos ,como disse só tentar pois ninguem pode destruir nda, só Deus tem o poder(de fazer algo e mais ninguem), mas nenhum ser humano pode estragar nossos sonhos, bjkas vcs nasceram p brilhar!!!
    Ps:(nem a modelo magerrima não tem anomalia, é uma pessoa igual á Julia pois são seres humanos e merecem respeito)bjkas!!!

  • Pois é,
    quando vcs fizeram propaganda da materia no site da dona Glória fiquei até espantada porque ela não esconde de ninguém que é preconceituosa não só em relação a pessoas acima do peso.
    Gloria Kalil pra mim não é referência para nada.
    Bjs.

    • Isa

      Concordo plenamente com vc colega, alguém tão preconceituosa poderia começar seu dia reparando no proprio traseiro, assim daria se conta que no fundo suas criticas nada mais são que sua incapacidade de ver além de si mesma.
      Me orgulho de ser um mulherão!E acho que etiqueta é realmente necessária quando acompanhada da verdade de cada um, começando sempre no respeito ao espaço do próximo!!

  • patricia

    E OLHA QUE EU ACHAVA GLORIA KALIL CHIC…

    depois dessa mostra quem ela é …..uma pessoa preconceituosa,sua idiota cresce a sua mentalidade,o que o pessoal quer é uma coisa bem diferente sua ANTA VELHA, o pessoal quer é mostrar a aceitação ,como você que é VELHA ,e esta com o pé na cova e ninguém fica te chamando de anomalia,estou muito dececpcionada com esse comentario besta e preconceituoso,….
    RENATA E ANDREIA ….vcs fizeram o melhor …mais tem gente que tem titica no lugar do cérebro,tem que crescer a mentalidade…
    ESSE comentario é o que eu penso,tenho liberdade de expressão e de falar o que estou

    sentindo ,como GLORIA SENIL falou

    se somos anomalia ,então mais de 40% da população brasileira é uma anomalia.

    E Isabela Fontana é linda,e acho que vc SENIL,morre de inveja por não ter nascido como ela e então vai comendo pelas beiradas ,ou seja trabalha no mundo da moda pois o que vc queria realmente era SER MODELO ,mais vc não faz parte da minoria ,vc é baixa ,normal ,e com idade avançada ,cuidado ,pois a idade deve estar atingindo seus neuronios.

    • Aline Mota

      Adorei essa matéria falando sobre o comentário de muito mal gosto de Glória Kalil, sempre achei ela muito da arrogante e sem noção, ela se acha a ultima bolacha do pacote a ultima estilista do mundo… é bom que ela leia todos esses comentarios e acorde pra vida!!!

  • Esteriotipada, é isso que ela é. Cheia de ”não-me-toques”, desnecessário.

  • REBECA

    Re e meninas!!
    Assim… eh fato e com razão ficamos meio chateadas e raivosas ao ler uma coisa dessas rs
    Mas sinceramente?? Eu nunca gostei muito dela!(sabe quando o santo não bate, quando n concordamos com o a opinião do outro?pois eh…) Nunca concordei muito com ela e com uma outra famosa jornalista de moda rsrs
    Enquanto minhas colegas de faculdade veneravam e tinham seus livros como biblias da consultoria de moda eu não conseguia comprar e ler aqueles livros. Primeiro porque tudo dela era estremamente classico e não ajustável as personalidades diferentes! E eu que nunca gostei do obvio repelia os livros e “dicas de moda” dela! Segundo pq nunca vi naturalidade e diversidade nas suas “dicas preciosas” de moda e comportamento!
    Confesso que me sentia meio por fora por não acreditar nela kkk Mas no dia que ganhei uma cliente de consultoria gordinha(uma alta executiva da Shell que queria muito saber como se vestir melhor) eu percebi que na verdade essas regras não valem de muita coisa!! E que eu não precisava de alguém “careta” pra me dizer como ensinar as pessoas a se vestirem! Afinal moda se compra, estilo se tem! rsrsrs E a minha cliente terminou a consultoria muito feliz e satisfeita, se tornando minha amiga!
    Então meninas, vamos mandar uma vaia bem grande pra nossa querida Glorinha!! E desejar a ela muitos desfiles de meninas anorexicas e roupas tam36! Porque ela merece!!!!!!!!!!
    Bjoooo, me liga amada! 😉

    • Laura Muniz

      Gente to passada!!!

      Não acredito que sou uma “anomalia” e o pior só descobri agora!!!kkkkkkkkkkkkkkkkk….
      Olha meu namorado acabou de dizer que se eu sou uma anomalia, o que é a Gloria?
      não sei se ela já se olhou no espelho! Mas ela também é uma anomalia afinal foge completamente do padrão de beleza que ela mesma divulga!

      Gordinho também é gente! e ao contrário dela!
      a grande maioria dos gordinhos tem grandes amigos,vida social feliz e gente que quando tira o óculos escuro, vê beleza na diversidade do nosso país!

  • Bárbara

    Na minha opinião ser Chic, é ter educação, saber se portar, agir com elegância em gestos e palavras e acima de tudo não ser preconceituosa….infelizmente não vejo nada disso nas matérias do site Chic, ao contrário, sempre há uma conotação nada elegante nas matérias.
    Bem, mas não vamos nos deixar abalar por pessoas tão pequenas. O desfile estava lindo, as modelos além de belas, transbordavam alegria e na verdade é isso o que realmente importa.
    Obrigada a todos do Mulherão por me ajudar a ver minha imagem com outros olhos!! Parabéns!!

  • patricia

    Meninas lindas Andréia E Renata Linda …
    que tão vcs chamarem A Gloria kalil pra desfilar uma proxima vez,quem sabe ela esta precisando só desse carinho ,pois o ego dela deve estar muito pra baixo….rsrsrs
    Ajuda ela coitadinha,chama ela pra desfilar vai!

  • Nell

    Pra começar totalmente incoerente, foram duas matérias, uma se rendendo a beleza do evento e outra tentando denegrir a imagem do mesmo, grosseira e impensável a atitude dela, acredito que ela deva ter perdido muitas leitoras devido ao fato de a maioria ser uma mulher real, gordinhas, com quadris largos e com celulite…E mostrou que de “Chique” ela não tem nada, é uma grossa isso sim…

    • renatavaz11

      Claaaaaaro que foi incoerente e talvez só para arrumar polêmica, Nell.
      A primeira matéria foi uma das mais lidas do site dela na última semana. Então, ela quis retomar o assunto para continuar mantendo os acessos em alta. Uma pena! Ela deveria sim era ter criado uma seção mais democrática para o Chic.
      Fico triste com isso e espero de coração que esta senhora viva muito para ter tempo suficiente de enxergar as mudanças que o mundo da moda vem sofrendo e que ela não tenha a infeliciddae de ser ostilizada da mesma forma que fez com nossas modelos.

      Bjs

  • Daniela

    Depois de le esse artigo fiz questão de deixar meu desagrado quanto a opinião rídicula dela no seu site o chic. Me poupem ela não passa de uma pessoa preconceituosa. Quem ela pensa que é pra dizer quem é anormal? Eu acho as reportagens com ela uma baboseira sem tamanho e ainda dizem que essa pessoa é especialista. So me resta saber em que?

    • Natalina Alves

      Concordo com vc Daniela. Quem eh ela pra dizer o que eh normal ou naum. O que eh certo ou errado. O que eh muito magro ou muito gordo!! Baseada em que?? Por acaso existe alguma tabe la de tamanho que eu desconheço?? Ou será que as coisas saum assim: quem tem 40 quilos é normal, mas quem tem 39,900 eh anomalia. Quem pesa 65 quilos eh normal, mas quem pesa 65,100 eh anomalia??
      Eh lamentável que alguém taum influente seja taum “pequena”.
      Ao mesmo tempo fico pensando: se ela pode falar tanta m…. eu posso muito bem ter uns quilos a mais!!
      Naum nos deixemos abater por esse tipo de pessoa!!
      Beijos a todas.

    • cidinha

      Ela e especialista sim,em cerebro com anomalia de preconceito e maldade. O cerebro dela e que e gordo isto sim kkkkkkkk. bjs a todas gordas,gordinhas,fofinha e cheinhas como eu e minha filha e bem resolvidas ta!

  • Amanda Rocco

    Olá pessoal, primeira vez que deixo algum comentário! É que num dá pra ficar quieta né!
    Só queria dizer que não me surpreendi pois não é a primeira vez que vejo Gloria Kalil tratar as pessoas obesas como “anomalias”.
    Assisti uma matéria a um tempo atrás ela no programa da Ana Maria Braga onde dava dicas de moda, na hora de falar das mulheres com sobrepeso, a dica nas entrelinhas queria dizer: coloca um saco de batata e se esconde até ficar magra!
    É um absurdo, não tem como respeitar uma mulher dessas…. É claro que todos devemos buscar a saúde, mas no que ela se engana é que em muitos casos, mulheres obesas são assim por genética e tem uma saúde muito, mas muito melhor do que a de qualquer mulher magrinha… Só há o disparate dos “padrões” de beleza… mas vamos apostar quem morre primeiro???

  • Anomalia é alguém que fala tanto de moda e etiqueta ser tão mal-educada e insensível. Anomalia é querer que todas as pessoas sigam a regra que você dita. Será que alguém avisou pra ela que o mundo não gira em torno do umbigo dela?
    Esses dias recebi um comentário também odioso em que o “Plus size” não busca gordas e sim pessoas diferentes. Puxa, estão nos expulsando do nosso próprio movimento!!!
    Mas deixa estar, isso é sinal que estamos fazendo barulho, e sim vamos revolucionar a maneira como as pessoas percebem a peleza, que é muito mais do que a “perfeição” da Isabeli Fontana!

  • Anormal é achar que todos tem que ter um padrão de tamanho ou formas ,o que seria do azul se todos gostassem do vermelho?
    Como seria se todos focem iguais ,não teriamos opções para diversificar .
    Sou tamanho xgg e não me envergonho disso e me recuso a aceitar que alguem me rotule como anormal.
    Anormal são pessoas preconceituosas que discriminam gays,negros deficientes de qualquer naturalidade e pessoas de classes economicas diferentes .
    ***Anormal é ver as coisas com um só padrão uma só forma*** .

  • Nathalia

    MEU DEUS! Eu não tinha nada contra nem a favor de Gloria Kalil, mas depois dessa…que vergonha, meu Deus! Que mulher preconceituosa e-parecerei agressiva, mas fazer o que- burra! Nunca vi tantos absurdos juntos em um mesmo texto. Alô Glória, quem sabe sobre a saúde das pessoas são os exames de sangue, pressão, colesterol, etc. delas. Que chato, né, gente? Mais uma que quer padronizar o mundo. Que preguiça de vocÊ, Glórinha. Pior é esse trecho aqui:
    “Há, é claro, quem prefira as gostosas, outros preferem mais delgadas, mas tudo dentro de uma proporção em que qualquer tipo de a mais ou a menos não seja um absurdo.”. Ora, quer dizer que o importante de se manter num “tamanho padrão”, fora a “saúde”, é ser desejada? É ISSO? As mulheres tem de se preocupar em ter tamanho X ou Y para serem “comidas”, seja com os olhos ou de outra forma? Ah, faça-me o favor! Anômalo é seu cérebro. E parabéns pelo post Renata. Avante Mulherões!

  • Erika Nemi

    Oi meninas…
    Eu ja tinha visto essa matéria e realmente ela estava “entalada” na minha garganta. Mas valeu esperar, Renata, voce nos representou muito bem. Parabens pelo artigo.
    Agora uma pergunta eu queria fazer a Kallil. Será que ela se acha parecida com a Isabeli Fontana? Porque nos criterios dela, ela propria seria uma aberração, uma anomalia…
    Afinal se ela fosse comparada a um carro ela seria o que? Um Ford Ká? Rs… Pequena e compacta??? Rs… Enquanto a Isabeli seria um Jeta? Um Sedan completo? Rs.
    Mas brincadeiras a parte, Gloria Kallil considera que entre 180 milhões de pessoas no Brasil, somente uma é digna de ser considerada bela…
    Pelo menos sua cabeça é condizente ao seu corpo né Gloria Kallil!

  • Jo

    Anormal é a forma como ela define as pessoas…

  • Gennnnnte pelo amor, ninguém ensinou pra Glória Kalil que chic mesmo é ficar de boca calada? Não é a primeira vez que ela dá uma alfinetada dessa e eu sinceramente não entendo porque uma pessoa dessas tem a petulância de escrever livros que se entitulam chic. Chic mesmo é guardar opiniões preconceituosas pra si mesmo. Mas, finesse não é mesmo o forte da Glorinha, né genteeemmm?

  • Andréa Viana

    Sou anormal porque estou acima do meu peso. É lamentável ouvir ou ler nos dias de hoje opiniões preconceituosas ainda mais vindo de uma pessoa que é considerada como inteligente e respeitada por sua formação profissional. É revoltante. Quem nos deu o direito de julgar as pessoas por suas diferenças.Diferenças na minha opinião não são anomalias são apenas diferenças. Agradeço à Deus por ser diferente desta pessoa e por minha gordura estar localizada no meu corpo e não no meu cerébro como na minha opinião é o caso dela. A anormalidade está na visão dela e de outros que cultuam o corpo de forma errada para mim mais vale um corpo gordo, saudável e feliz do que o contrário.

  • Simone

    Nossa, fiquei ate deprimida agora com essa…vem o mulherao…e eleva minha auto estima , e depois vem essa senhora…( que nem vou colocar s maiusculo porque perdeu todo meu respeito)
    e coloca no lixo…como se Eu fosse um monstro….sim Eu…porque me encaixo nesse comentario dessa infeliz senhora….to triste, muito triste.

    • patricia

      Simone não fica triste não ,essa mulher é uma coitada e despeitada ,ela só quer chamar atenção ,ta com inveja das gordinhas ,pois elas estão com sucesso na midia e como ela não é nem bonita nem gorda então não da para ser modelo,entendi é pura inveja ,vc viu ela elogiando a Isabela,ela queria ser igual a ela mais não é ,então que ela se contente com o que tem e vá fazer alguma coisa util e tão bonita como a atitude da Renata e da Andréia ,fazer as pessoas se sentirem bem ,porque ela não tenta fazer um desfile para a terceira idade que é a fase dela e é um nicho que esta escondido ninguém investe.Gloria faça uma desfile pra terceira idade ,pelo menos fara mulheres felizes e aumenta a auto estima de alguém ,pois pelo que vejo a sua Gloria anda muito baixa.E Simone bola pra frente lindona.

  • Teresa Agrello

    Acho que a velhota tá precisando de uma revisora, alguém que a auxilie na hora de publicar determinadas matérias… afinal de contas, cada um pode expressar suas idéias, contraditórias ou não, democraticamente, vivemos num país livre, graças a Deus… mas precisamos para isso de três atributos básicos: bom senso, educação e sobretudo respeito ao próximo.
    É uma pena.

  • Bianca Raya

    Que mulher maluca… eu tenho sobrepeso e meus exames estão em dia!!! Enquanto muita magra sofre com colesterol alto, diabetes, etc. Não há regra, somos indivíduos! Afff…

  • Kelly

    Uma grande vaia então meninas para a SR(a) Gloria Kalil”

    uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu…

  • Dani Bottino

    Às vezes me pego pensando: Como uma pessoa pública pode ser tão ignorante a ponto de publicar um artigo sem embasamento teórico, por puro e simples achismo, utilizando informações que ela mesma julga achar corretas?
    Quem diria que, uma Gloria Kalil, seria capaz de barbaridade dessas?
    Eu, que era fã assumida, leitora de seu site e livros, tomei um susto. Uma pessoa com duas caras, totalmente alheia ao nosso mundo.
    Será que ela só vive fechada no seu mundo? No mundo da magreza exacerbada, da falsidade, das cobras, onde cada kg a mais, ou a menos, torna-se motivo de competição e eliminação. Será que ela vive num jogo?
    Acorda, Kalil! As pessoas são feitas de carne e osso…e muita carne, por sinal… e ler / ver / ouvir certos comentários de pessoas como vc nos fazem ver que estamos no caminho certo. Sabe por que? Pq apesar de ABSURDA a sua reportagem, ganhamos espaço no seu site…e se ganhamos espaço é pq nosso sucesso te incomoda… e incomodar alguém como vc, agora, tornou-se nosso prazer.
    Espero que, com essa sua BURRADA, vc perceba o caminho correto e seja humilde a ponto de se desculpar publicamente…
    Pq somos gordinhas sim, mas anomalias jamais!!!

  • Acredito que este post
    deva ser lido pela Gloria kalil…
    mas talvez nem resolva…a verdade
    é que o mundo esta cheio de mulheres
    iguais a ela que pessam que são a normalidade
    em meio a um população rechoncchuda.
    Mulheres como ela, que tem um poder aquisitivo brasileito equivalente a minoria da população brasileira e que passam horas dentro de centro
    estetico fazendo horas de massagem, lipo, yoga, acumpuntura dentre tantos outros artificios que estão disponivel no mercado para quem tem dinheiro.
    Assim ate eu viro modelo hihihihihi

  • renatavaz11

    Vocês já ouviram falar de Lucília Diniz? Uma das herdeiras do grupo Pão de Açúcar? Ela foi por décadas obesa. Fez reeducação alimentar, escreveu livros ensinando mulheres a terem um estilo de vida mais saudável e participou de inúmeros quadros na tv.
    Lucília é uma mulher maravilhosa, simples, humilde, mesmo tendo milhões de reais em sua conta bancária.
    Acontece que, por anos, ela foi extremamente infeliz. Embora fosse essa mulher maravilhosa, era excluída da alta sociedade apenas por ser gorda. Não era convidada para festas, por exemplo. Provavelmente, porque as pessoas deste meio tivessem o mesmo tipo de mentalidade de Glória Kalil.

    • patricia

      É realmente pura verdade o que vc falou sobre a

      Lucília,ela não conseguiu ser forte o bastante

      para aguentar a pressão ,pois a pressão pra

      emagrecer é tanta que chega a ser desumana…

      Se nós somos gordas qual o problema? ,

      o que incomoda tanto?Será que esse pessoa não

      esta é com inveja de nós,pois nós nos assumimos

      como somos e não cedemos a pressão ..e isso que

      esta incomodando ,pois tem uma industria que

      ganha muito dinheiro com o mundo da dieta & cia

      …..

      Devemos ser fortes e perseverantes e abrir a boca…

      Não deixar barato….Pois pelo que vejo ofensa é crime ,

      só que aqui no Brasil ninguém é preso por

      ofender gordo,tem que existir lei pra isso,

      isso não pode continuar como esta…

      Ontem no trabalho eu sofri uma p discriminação

      por conta daquela menina do BBB ,aquela

      gordinha em que o modelo tirou barato dela

      chamando ela de feia por ser gorda,ficaram

      falando que foi bem feito que ser gorda é falta de

      caracter…meu DEUS ! falta de carater?

      Onde estamos,do geito que esta indo daqui a

      pouco eu posso apanhar na rua pelo fato de ser

      gorda…parem com isso !respeitem as

      pessoas,pois quem sai perdendo não sou eu por

      ser gorda e sim vcs pela violencia e por perderem

      a oportunidade de conhecer uma pessoa especial.

      Bjs a todas mulheronas,magras ,gordas ,cegas ,

      de cadeira de rodas,…todas nós podemos brilhar

      sim..acreditem em vcs e fiquem em paz.

  • Lilis

    Infelizmente preconceito existe em todos os lugares e agora mais esta: ser diferente é ser anormal. Como a Renata escreveu, eu como amante da saúde que sou (Técnica em Nutrição e estudante universitária do curso de Nutrição e meu próximo passo é fazer Medicina), fico me perguntando, onde a Senhora “Todo Poderoso” cursou medicina e nutrição? Espero que na mesma universidade em que ela estudou estes dois cursos para entender tão bem de obesidade, anomalias, aneroxia, existe um curso Superior de alto padrão “Preconceitologia” para que ela possa da próxima vez não citar pessoas como padrão de beleza e sim assumir que o preconceito em todos os seus segmentos é que anda tentando “bitolar” as pessoas para que não aceitem este ou aquele “tipo” de pessoa.
    Espero que em nosso país as pessoas possam continuar lutando contra o preconceito racial, economico, religioso, sexual… Enfim contra essa miséria chamada IGNORÂNCIA, porque esta abençoada é que tem levado as pessoas a rejeitarem uns aos outros. Eu penso assim e acredito que o preconceito é causado pela ignorância, que gera o não conhecimento do outro que é diferente e assim a sua não aceitação.
    Não vamos deixar de cuidar da nossa saúde, mas não vamos deixar também que nem um outro ser humano tão evoluido quanto nós, venho “impor” qual é o padrão de beleza que devemos seguir.
    Ah, ia me esquecendo, esse negócio de calcular o IMC e consultar tabela de revista ou sei lá de onde, e sair dizendo quem tá gordo, quem tá magro é errado, melhor é consultar um especialista, rsrsrs.
    E não vamos nos esquecer que preconceito é “CRIME” (assim como o exercício ilegal de profissão também, então vamos deixar que os profissionais habilitados e os nossos exames nós aconselhem…)

  • É UMA PENA E UM CRIME SER TÃO PRECONCEITUOSA COMO ELA FOI NESSE TEXTO…
    FERIR ASSIM AS PESSOAS E ACHAR QUE TEM O DIREITO DE ROTULA-LAS???
    ANOMALIA… NORMALIDADE… BELEZA… MAGREZA… ETC…
    EM PRIMEIRO LUGAR TODOS NÓS SERES HUMANOS MERECEMOS RESPEITO… E ESSAS LINDAS MULHERES SÃO PERFEITAS… POR TEREM SAÚDE… ALEGRIA… AMOR… VIDA… BRILHO … E POR SE ASSUMIREM COMO SÃO… COM TODOS AS QUALIDADES .. DEFEITOS… QUE POSSUÍMOS….
    QUEM VOCÊ PENSA QUE É… PRA JULGAR AS PESSOAS.. GLÓRIA ???
    DESCULPEM MAS AO MEU VER.. ISSO NÃO PASSA DE RECALQUE… DE ALGUÉM QUE REALMENTE NÃO MERECE CRÉDITO…
    OPINAR É UM DIREITO DE TODOS… LIBERDADE DE IMPRENSA… PORÉM OFENSAS.. RIDICULARIZAR NÃO…
    QUER CHAMAR ATENÇÃO… ?? DESSA MANEIRA…
    APENAS TROUXE PRA FAZER ENERGIAS RUINS… E COM CERTEZA FERIU MUITAS MULHERES… COM ESSAS PALAVRAS…
    ESSE BLOG E OUTROS EM COMUM.. LUTAM CONTRA ESSE TIPO DE PRECONCEITO… ONDE MUITAS MULHERES PRECISAM DE INCENTIVO… ALEGRIA… EXEMPLOS DE SUPERAÇÃO…POIS LUTAM TODOS OS DIAS… PRA VENCER… E BRILHAR ….
    ESSE EXEMPLO SEU DE POBREZA DE ESPÍRITO SERÁ MAIS UM EXEMPLO DE SUPERAÇÃO POR TODAS NÓS…POIS ESPERO E CONFIO EM DEUS QUE LHE DARÁ SABEDORIA E ENTENDIMENTO PARA REPENSAR NO QUE DISSE …. SE NÃO SEM PROBLEMAS…
    A GENTE É FORTE… LINDAS… CRIATIVAS… TEMOS LUZ PRÓPRIA E… MUITA GARRA PRA VENCER PRECONCEITOS COMO ESSE…
    RENATA .. MENINAS.. ACREDITEM TODAS NÓS SOMOS MARAVILHOSAS…
    ANOMALIA… ABERRAÇÃO … MONSTROS… SÃO ESSES QUE NOS APONTAM E NOS FEREM…
    MAS NÃO NOS ATINGEM .. ATÉ TENTAM.. MAS TEMOS O ESCUDO DO BEM… E DO AMOR AO NOSSO FAVOR…
    FIQUEM COM DEUS!!!
    UMA SEMANA DE FORÇA.. LUZ… AMOR… E ALEGRIA…. QUE NÓS TEMOS DE SOBRA POR SERMOS ABENÇOADAS POR DEUS…
    E COMO O SUCESSO INCOMODA!!! RSRSRSRSRS
    BEIJOS ALEXANDRA GIMAQUE

  • OI SOU ELIANE TENHO 47 ANOS TENHO OBESIDADE MORBIDA… ESTOU ACIMA DO PESO SIM.. SOU UMA ANOMALIA SIM…. E DAI??? E VC ??? … GLORIA…. QUE GLORIA VC TEM??? O DE SER PRECONCEITUOSA??? SINTO SINCERAMENTE PENA DE VC,EU SOU FELIZ ASSIM MESMO … DESDE QUE ENCONTREI ESSAS MENINAS MINHA VIDA TEVE UMA GRANDE MUDANÇA E AMEIIII ISSO… E VC GLORIA ?QUE ALEGRIA VC TEM?…SE É QUE VC TEM ALGUMA ALEGRIA… VC CONHECE AQUELA HISTORIA DA COBRA E DO VAGALUME???…. APOSTO QUE NAUM RSRS… O VAGALUME NAUM FAZ PARTE DA CADEIA ALIMENTAR DA COBRA MAS ELE BRILHA E ISSO INCOMODA… SERA QUE EXISTEM MAIS GLORIAS COMO VC NESSE MUNDO ??? QUE PENA… MAS ME DESCULPE …. EU AINDA SENDO UMA ANOMALIA TO BRILHANDO E ISSO TA INCOMODANDO ALGUEM…. HOOOO GLORIA…TENHA UMA BOA TARDE.

  • renatavaz11

    Gente, uma vez, quando eu era mais nova, um tio meu ficou me ridiculzarizando por ser “rechonchuda” e comer além da conta. Sabe o que eu disse: “eu posso fazer um regime e emagrecer, mas não há dieta no mundo que te faça deixar de ser idiota”.

  • OI EU VOLTEI.. RSRS.. ESQUECI DE FAZER MAIS UM PEQUENO COMENTARIO A SENHORA GLORIA…. A SENHORA JA SE OLHOU NO ESPELHO?? DEVERIA… VC TBEM E UMA ANOMALIA…. E MAGRA… VELHA E FEIA E ISSO NAUM TEM BISTURI QUE AJUDE …. BOA TARDE.

  • Camila…

    Será que a Glória não entende que a maior anomalia que as pessoas veem nesse artigo dela é a própria IGNORÂNCIA dela mesmo em discrimar uma modelo só pq ela naum é magra
    Infelizmente o mundo está cheios de pessoas como Glória
    que acham que sabem tudo
    e não assumem ser preconceituosas com outras pessoas

    Felizmente existem pessoas como nós dos Mulherões
    que além de superar preconceitos
    damos aulas a uma estilista mal conceituada
    Obrigada pela atenção

  • Keka Demétrio

    Chic mesmo é quem sabe respeitar o próximo!

  • Pra uma mulher considerada chic ela foi bem mal educada e preconceituosa. Precisa rever seus conceitos de beleza urgentemente. Estou decepcionada!!!

  • Rô Grigoli

    Indignação é a unica coisa que me passa pela cabeça agora…
    AbsurdO total , falta de respeito !!!

    Realmente eu a considerava uma mulher inteligente , chic até. Mas depois do que li , um texto preconceituoso , desrespeitoso , só posso concluir que ela é uma pessoa pobre de espirito !!!

    (e com o perdão da palavra ) ” Deve ser uma mulher mal-comida ! ….

  • renatavaz11

    Gente,

    Como criadora do Blog Mulherão, não sou responsável pelo o que vocês escrevem, mas gostaria de pedir encarecidamente, como amiga de todas, que se manifestem sem xingar Glória Kalil.
    Não podemos fazer com ela, o mesmo que fez conosco.

    Beijos,

    Renata Poskus Vaz

  • Patricia Heilman

    Sabe o que acontece, ela simplesmente parou no tempo e não se atualizou, como fez fama no passado … diga-se beeemmmm passado, não consegue entender que podemos não ter o tal do peso ideal (sei lá de onde tiraram esse peso ideal…), assim como pessoas não tem a altura ideal, crianças que tem diversas tipos de síndromes, entre mil outras e levam uma vida saudável, fazem academia, cuidam da família, são dispostas e lindas, por dentro e por fora, isso aos olhos de quem não tem preconceito. Chic é ter glória e méritos, e não ser Glória !

  • Samara

    Meninas não se deixem abater pelo comentário de uma pessoa PEQUENA que está morrendo de inveja da juventude e da beleza da Júlia que ela NUUUUNCA VAI TER. Eu sou uma anomalia com 90kg que faz exames periodicamente e que não tem nada de errado com a sáude, portanto, me preocupar com o que? em ser feliz, é claro!!!! Coisa que essa mal amada não deve ser.
    A iniciativa do evento é louvável, se eu morasse perto estaria lá com certeza, o único problema era o ciúme que eu teria do meu namorado vendo essas mulheres maravilhosas e que ele tanto admira. De acordo com o comentário dela, pessoas “iguais” como ela quer, não adoecem não é mesmo? Coitada… Viva as diferenças!!!!

  • Samara

    Voltei…

    Gente, ela disse que deu PENA das meninas, isso é um absurdo. Dá pra imaginar? PENA… das magras e das gordas, isso não existe!!!!!!!! Estou indignada…

  • Simone

    Ahhhh gente, avisa né? Essa mulher é pobre, mas é pobre de espírito sabe? … sem comentário para esse artigo que ela escreveu…..

    Vim aqui pra Parabenizar a modelo mulherão que saiu nessa foto, a Júlia, achei tão corajoso sabe? Ver essa menina subir em uma passarela e se expor dessa forma me deu um orgulho enorme, mesmo sem conhecê-la…mto linda!!! Parabéns Júlia!!!!

    bjao meninas!!!!

  • Renata Batista

    Francamente…
    Eu aqui achando que o evento abriria mais o olhos das pessoas, no que diz respeito a diversidade (e com certeza o fez, mas…). Será que a senhora Glória sabe o significado desta palavra? O motivo e importância do evento?
    O que é uma pessoa que não está no “padrão”? aliás, qual é o “padrão”?????? Sabe lá quem inventou este parâmetro ridículo e discriminatório (na verdade sabemos; um grupinho de mercenários interessados em alienar milhões de pessoas a correr atrás de um biotipo que não existe!).
    Hello, estamos no ano de 2010!!!!
    Caminhe na Avenida Paulista na hora do almoço, e me defina qual “estilo” das pessoas que frequentam a região. IMPOSSÍVEL. Tem todo tipo de gente ali, sabe por quê? Por causa da DIVERSIDADE, que não existe apenas em São Paulo, no Brasil, mas no mundo inteiro!
    Alguém aqui assitiu o filme O sorriso de Monalisa? Há uma crítica muito bacana sobre a concepção de arte. O que é arte? Uma aluna de uma escola para moças respondeu prontamente: “arte é o que as pessoas certas dizem que é arte”.
    Quem seriam estas pessoas certas? Glória Kalil, para definir o que é “normal” e agredir (sim, palavras também agridem e muito) os fora desta “normalidade”?
    Pera lá!!! Nós somos mulheres informadas, modernas e muitíssimo bem resolvidas e não podemos aceitar este tipo de imposição!
    Que venham os demais FWPS, façamos barulho na internet e em todos os meios de comunicação que tivermos acesso, com nossa família, amigos, vizinhos.
    Sai pra lá, preconceito!
    Em tempo, Glória: anomalia é essa visão estreita que você tem das pessoas. DÁ PENA DE VOCÊ. Afinal, quem perde por não mergulhar nesse universo de possibilidades é somente gente quadrada, como você. Passar bem!

  • Tatiane

    Olá…bom pra começar o comentário, quero dizer que NINGUÈM neste mundão é ALGUÈM pra julgar outra pessoa…. e quando isso acontece é por a pessoa que julga (Glória Kalil) é por tem na vida algum desvio mental, fisico e moral… no mínimo ela deve ter sido muito mal amada e preferido ter o sucesso que essas meninas maravilhosas tem…
    Então pra finalizar quero deixar um recado pra essa tal de Glória….. FILHA …se olhe no espelho, se ame mais e seja sensata vai…falar uma besteira desta em público é pedir pra ser a xocota do ano!!!!
    Boa Noite…

  • Andrea Baffa

    Preconceito é uma doença grave. Lamentável…

  • ANGELA OGGIONI

    RENATA COMO SEMPRE VOCE DISSE TUDO AMIGA, NÃO TENHO MAIS PALAVRAS.

  • Marilene

    Nossa…realmente. É de deixar, num primeiro momento, revoltada. Por fim, com pena de pessoas de espírito tão fraco e superficial.
    Marilene @marilenetieppo

  • Nossa, não tinha lido essa matéria. Extremamente preconceituosa e de mau gosto. Por causa de pessoas assim, que “entendem” de moda, é que os mulherões são discriminados e essa ditadura de magreza é levada até as últimas consequências.
    Ah, não acho a Isabelli Fontana modelo de beleza nenhum #prontofalei!

  • Bianca Raya

    Consegui ler a matéria… ainda disse que causamos pena e preocupação!? É o fim…

  • Leila

    que texto mais sem nexo esse dessa tal de Gloria q nem sei quem é… mas enfim, não podemos aceitar esse tipo de critica de jeito nenhum! somos mulheres dignas, honestas e lindas!!!!!

  • Marília

    Sinceramente, quem Glória Kalil pensa que é para ditar padrão de beleza? Logicamente tem-se modelos magras lindas, assim como tem-se modelos plus size lindas!! O mundo é diverso e livre, cada sujeito tem o direito de ser do jeito que se sentir melhor! Não consigo entender essa imposição de “padrão de beleza”…

  • Fiquei profundamente irritada com a matéria da Gloria Kalil. É um grito de preconceito num site com muito acesso. Pra mim foi o mesmo que se ela dissesse que o certo é ser branco ou mulato, mas muito negro ou muito pálido é errado.

    As pessoas estão ficando mais gordas? Sim, estão. Mas também estão menstruando mais cedo, também estão tendo celulite mais cedo… Tudo isso devido à péssima qualidade dos alimentos que consumimos hoje em dia. Tem milhares de problemas associados a essa alimentação da qual não podemos fugir, já que é o que temos pra comprar no super mercado (a não ser que compremos em feirinhas especiais de alimentos saudáveis, coisa que sai caro).

    Vários fatores da vida moderna coolaboraram para isso, tornando os menos afortunados pela genética em pessoas, de fato, gordas. Quando uma mãe deixa um filho o dia inteiro vendo televisão porque está muito cansada para levá-lo à pracinha, ela está criando um sedentário. E isso fica mais comum a cada dia.

    Associando todas essas mudanças no mundo, sim, as pessoas estão ficando mais gordas. E essa é a regra atual. Obesidade mórbida é preocupante? É claro que é. Mas não é condenando as pessoas com o IMC acima de 40 que elas vão ter uma saúde melhor.

    Essa reportagem desencadeou tantos pensamentos meus que não consegui organizá-los direito, hehe. Fui cospindo tudo e poderia ir por mais vários parágrafos, mas vou ficar por aqui.

    • patricia

      Litha
      ofensa gratuita não pode ser deixada de lado,
      nosso brilho esta irritando muita gente e é da inveja que começa esse tipo de vilencia ,a Gloria ta precisando comer mais pão pois seu cerébro deve estar precisando de glicose,e esta falhando ,eu estudei nutrição e sei muito bem que são varios os fatores para as pessoas serem gordas ,e não vou aceitar uma discriminação só por que não gosta e tal e vem se desculpar falando de saude …..
      tem muita gorda que tem saude em dia ,e isso é pura questão de inveja ,no fundo ela queria comer mais ,mais tem medo de engordar e não tem força o bastante pra assumir o que é como nós que nos assumimos.
      bjs

      • patricia
      • Pois é, eu, por exemplo, tenho uma saúde ótima. Todos os meus exames dão normais, no máximo um que deu limítrofe, mas não alterado. Minha pressão é normal também.

        Como numa variedade que não vejo nenhuma magra comer, um pouco de carboidrato, um pouco de proteina, um pouco de salada e legumes, um pouco de frutas. Minha alimentação é muito balanceada sim! Além do que, consumo pouco açúcar ou adoçante, já que o cafezinho de cada dia é puro e se resume a no máximo 3 xícaras (coisa que, segundo pesquisas, faz bem ao coração!).

        Já a minha irmã que é magrela de ruim e se entope de chocolate tá com o colesterol nas nuvens =)

  • Mateus Henrique

    Aff vey mulhere mew sem parafuso na cabeça..
    Puts quem é ella pra julga qualquer pesooa quem é ella pra fala que modelos plus size são “anomalias” pow mew alguém ai da um chá de si mancou pra essa mulher plis!!
    adoro uu blog mininas continuem assim

    Beeijo

  • Carol

    Que ridícula, quem ela pensa que é pra julgar ou fazer diagnósticos para as chamadas por ela Anormais?
    Tá certo de que ela vive na mídia e é magríssima e daí?? Sou mais eu!!!
    Ela é nada mais nada menos que uma fofoqueira da moda e o pior inventa umas modas horríveis, impossível imaginar alguém usando aquilo. Fala sério, será que ela tem espelho em casa???
    Estou indignada!!!!!!!

  • Coitada dessa Glória Kalil… vive num mundo superficial, cheio de regrinhas fúteis, sem personalidade, sempre preocupada com a opinião dos outros e em ser aceita por um grupinho igualmente sem graça, sem vida, sem se permitir…

  • Nossa fiquei completamente chateada com os comentários da Glória Kalil, uma mulher que se diz tão elegante..Eu gostava dela agora passo a não gostar mais ver que ela tem preconceitos com nós gordinhas…Já basta o certo peconceito que passo dentro da própria familia….
    Fiquei decepcionada….Já fui magra tive corpo esbelto, mas hj sei me aceitar do jeito que sou….Me vejo mais bonita, minha vaidade volta aos pouquinhos já tenho coragem de tirar fotos sozinha e acompanhada sou feliz assim.
    Mas é triste ter este tipo de preconceitos, somos saudaveis, coradas lindas e macias diferente das musas de Glória Kalil.

  • Ananda

    Acredito que Gloria Kalil seja uma baita de uma invejosa, pois falando bem a verdade homens gostam de ter onde pegar, já nela, existem apenas OSSOS. Talvez por esse motivo ela julga tanto as ‘gordinhas’ por anomalias. Beijo gordinhas do Brasil!!!

  • Eliane

    É uma tristeza que uma pessoa tão estudada informada use o que sabe pra tentar menosprezar outras ,eu até que gostava da Glória mas isso foi uma decepção nos comparar com carros que podem ser grandes ou pequenos talvez ela ache também que podemos ser comprada ou vendidas é absurdo ,essa matéria é o suficiente pra mulheres com baixa alta estima e nós sabemos que existe muitas,acabar caindo ainda mais em depreção a ou até coisa pior , nós merecíamos um pedido de desculpas em público por essa grosseria e também falta pra ela amor no coração e principalmente amor ao próximo….

  • A Glória não foi nada “Chique” nem elegante em suas palavras e comentários, que falta de respeito. É hipocrisia ela continuar dando “aulinhas” de etiqueta na TV. bjusss, parabéns pelo blog

  • Raphaella

    Me desculpem a ignorância, mas que é Glória Kalil mesmo? Qual a relevância de seus “travessos” comentários para o mundo?
    Acho que ela está precisando de uma consultora de ética, moral e realidade… alguém se habilita?Sinceramente.
    Meninas, temos coisas mais importantes a fazer.
    Beijos a todas.
    LINDAS!

  • Maglia Maica

    Olá garotas…

    Não vou escrever muito, apenas o suficiente para expressar minha raiva.
    Glória Kalil é uma mulher que ainda não descobriu os prazeres da vida, que não sabe como é bom andar descalço, ter amigos verdadeiros e ser amada de verdade e acho eu que nunca aprenderá a se desprender das coisas materiais.
    Desculpem-me, mas quando morrer atormentará e puxará os pés das pessoas que não se comedirem como ela quer!

    Tenho 21 anos, 1,63 m, de altura e 77 kg, e adorei a reportagem na Ana Maria Braga, uma pena que tive que sair para trabalhar!!!!!!
    Parabéns pelo trabalho…

  • vanessa

    é lamentável..
    e o pior é que ela ensina regras de etiqueta..

    da pra acreditar?

  • Adryany Araújo

    Foi muito infeliz as palavras dessa senhora, ela devia olhar ao seu redor e ve quem faz mais sucesso, com certeza ela nunca olhou as mulheres gostosas, que por sinal, mais bonitas que ela, com certeza não foi esse elogio que ela já recebeu…!!!!

  • Vera Lucia

    Aquela senhora só diz o que é bacana é legal ,para aquelas pessoas que em algum momento poderam ser util em sua vida profissional.Ela é na verdade uma grande puxa saco de seus proprios interesses.Já a ouvi em alguns programas da manha na tv,dizendo o que usar e não usar ,de acordo com a apresentadora somente para agrada-lha.Não precisam se preocupar com as suas ridiculas opiniões.Chic para mim é ser feliz e fazer as pessoas felizes.Bjos.Vera Vaz.

  • Jéssica Rocha

    Ocorpo ideal não é apenas aqueles considerados “gostosos”: cintura 70cm, altura 1,70m, peso 55Kg… Onde jah se viu? Então pessoas com 1,60m não são consideradas bonitas?
    Eu tenho 19 anos; 1,58m e peso 65 kg, me sinto mal por às vezes não poder colocar uma roupa que gostei na vitrine sendo q não fica legal no corpo.
    A mulher ou homem q se acha bonito, se sente bem com uma determinada roupa e, acima de tudo, tem SAÚDE, é perfeito em qualquer sentido. Perfeito não é ter curvas perfeitas ou cinturinha fina;é ser feliz, saber se cuidar, não extravasar nem usar peças vulgares. De que adianta eu ter “corpo perfeito” e colocar roupas q desvalorisam meu CARÁTER?

    É isso.
    Bjos e espero ter correspondido…!

  • Ana Cesquim

    Um brinde às pessoas anormais!!!

    Com meus incríveis 1,60m de altura e 85 kg, de acordo com o IMC, estoucom obesidade de grau I. Agora eu te pergunto, uma pessoa com obesidade de grau I é menos capaz do que uma pessoa “normal”? Em que? Eu fazia yoga e modéstia a parte era bem melhor que mtas pessoas “normais”.
    Achei simplesmente inacreditável, uma pessoa como a Glória Kalil, conhecida e conceituada como é, dar uma declaração dessas.
    Tb não tenho nada contra a Isabela Fontana, acho ela linda, mas tenho menos ainda contra a Renata, a Andrea, a Fúlvia, entre tantas outras que são PS (POWER Size). Acho que é mto mais MULHERÃO da parte delas, enfrentar todas as dificuldades e vencer como elas.
    Por isso deixo aqui registrado a minha indignação com a Glória Kalil e principalmente os meus PARABÉNS a todas nós, mulheres, lindas, gordinhas, gordas e gordonas, que nos amamos como somos, felizes e de bem com a vida.
    Glória, quem sabe um dia, você encontre a felicidade que já temos!

    Um beijo a todas!!!

  • cidinha

    A sra Gloria kalil deveria saber que as baleias comem so peixe e bebem agua o dia inteiro,entao elas deveria ser magras! Nos acima do peso,nao somos gordas somos pessoas felizez,charmosas e bem resolvida. Agora eu pergunto alguem ja viu bem de perto uma SEREIA? Pq eu nunca vi uma sereia,que alias sao magras,belas e cheia de crise existenciais kkkkkkk,alias nao sao nem mulher nem peixe ne d.gloria..! Eu prefiro ser uma anomalia existente e cheia de charme,do que ser uma SEREIA…..que so existe em fantasias de desenho animado ou de carnaval KKKKKKKKKKk. D.Gloria Pense antes de falar ou julgar,ter cultura ou ser chic tbem e ser Educado. bjs a todas as minhas amigas gordinhas simmmmmmmmmmm

  • Adriana

    Oi meninas!
    Tb li o artigo antes mesmo dele ser publicado aqui no nosso amado Mulherão. Fiquei indignada!! Deixei um comentário no site da senhora Glorinha Kalil…
    Por que todo mundo acha que nós que não nos encaixamos nos “padrões normais de beleza” como diz a senhora Glorinha não podemos ser saudáveis, bonitas e amadas????? Muito pelo contrário, conheço muitas gordinhas lindas que assim como eu, são bem sucedidas profissionalmente, tem um homem lindo e maravilhoso que a ama, é vaidosa, sabe escolher o que vestir e o que a faz bonita, pratica exercícios e é absolutamente bem resolvida com seu corpo e sua vida. Somos sim, muito melhores do que muitas magras que existem por ai…
    Ninguém gosta de roer osso!!! Dizia já meu amado gostosão que faz inveja em muita amiga minha magra que fica perguntando: como vc conseguiu esse homem? Minha resposta: eu sou original, me apresento da forma que realmente sou.
    E senhora GLORINHA KALIL, não nos considere aberração.
    Pra mim, aberração é sua forma de enxergar as coisas que realmente a senhora não sabe enxergar e interpretar.
    E muito obrigada pelo seu artigo e sua valiosa pesquisa para a Medicina Mundial.
    Quem sabe a senhora ganha algum nobel por sua intolerância às diversidades??
    Um beijo a todas e à senhora também.
    Até gostava de ler suas matérias, mas a senhora caiu muito no meu conceito.
    Renata, continue mostrando que somos MULHERÃO sim e em todos os sentidos.

  • Cristiane

    Fique imaginando oq ela não pensa em relação as pessoas que possuem algum tipo de deficiencia física ou mental.

    Lamentavél, me sinto profundamente decepcionada (estou até tonta), só tenho uma comparação a fazer…
    Glória = Hitler
    Oque para ela não se encaixa em perfeição ( perfeição ao modo de vista dela) é perfeitamente desnecessario.

  • adelysandra pessoa

    EU ERA FÃ DE GLÓRIA, MÁS DEPOIS DESTES COMENTÁRIO….

  • Vani

    Eu só posso ter pena dessa criatura que se acha no direito de “ditar padrões”… acorda, Glória! Helloooo!!!
    Parabéns pelo trabalho, meninas! Vocês são a vanguarda da moda!
    bjs

  • Claudia Martins

    Particularmente, acho a Glória Kalil o Ó. Acho o fim! Preconceituosa, mal amada e por aí vai… Uma pessoa que não consegue respeitar o próximo, não merece respeito também!

    Meninas, somos lindas e nenhuma “magrela” pode dizer o contrário!

    Beijinhos, Deus abençoe a todas nós Lindas e Fofas!!!!

  • Fernanda Mota

    Re, assino embaixo de tudo o que você escreveu!! Parabéns pelo texto …como dizem por aí: “Falou e disse!!”…rsrsrs

    Beijinhos

  • Olha… eu não acho que o padrão de beleza é ser obeso não. Isso é um padrão de tipo físico e não de beleza. O ideal é que todos estivessem dentro de um peso saudável, nem gordos nem magros. Não é pq a maioria da população é gorda que temos que fazer apologia a isso.

    Nada tenho contra pessoas gordinhas até pq eu não sou esquálida nem nada. Visto 42/44 e to longe de ser uma modelo. Mas me cuido bastante, por questões de saúde e auto-estima, para não ficar obesa. Acho muito válido que mulheres mais cheinhas se gostem do jeito que são e tb reivindiquem que a moda acompanhe isso, mas acho que tanto a Glória, quanto você Renata, são radicais em alguns pontos de seus textos. É só a minha opinião…

  • essa gloria pra mim e uma farça, n etende nada de seres humanos o que ela entende e de ficar puxando saco das madames, meninas sou magro mais digo acho linda mulheres carnudas não gosto muito de mulheres sem nada para pegar ser magra não e sinônimo de beleza, afinal a beleza está nas mulheres que são naturais

  • Olá, garotas,

    Vi hoje a reportagem de vocês no Mais Você e decidi vir até o blogue. Acho o exemplo de realidade que vocês transmitem a outras mulheres sensacional. Porque, gente, Isabelli Fontana é um corpo que poderíamos considerar fora de padrão. É uma em dez e olhe lá. Não é a nossa realidade. É uma pena que a Glória tenha se posicionado dessa forma. A gente tem que mudar essa visão de mundo já! As mulheres têm que parar de perseguir um modelo de vida idílico e serem mais felizes, sentirem-se poderosas do jeito que são, na maior moral.

    Beijos e parabéns pela iniciativa.

  • neuza novaes

    vamos boicotar todos os programas que a Gloria aparecer, aí sim ela vai sentir o peso das anomalas, gordinhas unidas jamais serão vencidas kkkk, bjs

  • Carol Azevedo

    Morte à Glória Kalil!

  • Márcia Maria Cardoso

    Atraída pela maravilhosa matéria do Programa da Ana Maria de hoje, cheguei até aqui. Para minha surpresa, li o comentário da Glória Khalil sobre nós, e, confesso, me vejo de boca aberta com tamanha falta de sensibilidade dessa senhora, que admirei tanto, até aqui..
    Somos sim “fofas” como ela cita em seu comentário, mas o que te passa pela cabeça com esse termo? Tenho certeza que aconchego, calor. Sou “fofa” sim, e até aqui, sem reclamação nenhuma de quem teve o privilégio de em mim tocar.
    SOMOS TUDO !!!!

  • Marcia Neto

    Anomalia!!!!????Só se for ela.Só porque estamos nos ajudando,estamos quebrando os paradigmas existentes?

  • Cacal

    É um absurdo que alguém que não utiliza manequim n°. 38 seja considerada uma anomalia…
    Anomalia é estudar tanto pra ser completamente “burra” como essa Glória. Ou será que ela ainda não sabe que nem todo gordo é doente e nem todo magro é saudável e que, eu posso, com os meus 90 kg não ter nenhuma doença causada pela obesidade e ela, com aquele corpinho “saudável” pode ter diabetes, colesterol etc.

  • Carol

    Não dá pra dar crédito para a matéria de uma pessoa que vive num mundinho à parte da nossa realidade. A Glória vive naquele mundinho fashion… no qual a pessoa tem q ter cara de doente de tão magra, só se usa roupas de grife e tudo o que importa na vida é circular por entre as grandes badalações. Estas pessoas não têm noção do que é curtir um almoço com a família reunida na mesa, porque elas só comem uma saladinha no restaurante badalado do momento. Dá até pena, porque ela só vai perceber o q realmente é importante no dia em que ela precisar do apoio de seus familiares ou verdadeiros amigos, e verá q não adianta nada ser magra e “normal” por fora, o q conta é o que está por dentro.

  • Vanessa

    Ah,me poupe,né?
    até parece que pra ser bonita e bem sucedida é preciso ser magra….

    não sei se a glória notou mas hoje em dia não existe essa de ditar padrões de beleza!!
    as pessoas são bonitas como elas mesmas,gordas,magras,altas,baixas,etc…
    Cada qual com seu estilo,sendo felizes não tem problema…

    Ela pode até estar dentro dos “padrões dela” mas será que ela é feliz como ela mesma,ou será que não mostra o seu “eu inteiror”?

  • cici

    sabe…quando penso em uma pessoa chic vejo essa pessoa…fina,educada…tipo…que respeita as pessoas ,as aceita e as ama como cada uma é….não penso que todos teem que gostar do branco ou do preto ou do amarelo,mas todos temos q respeitar quem deles gostam.é uma pena nos dias de hj ler uma materia tao infeliz como essa…a senhora dona Glória perdeu uma gde oportunidade de ficar calada…..qto a nós mulheres reais…anes lermos e ouvirmos isso do q sermos eas e surdas….ahhhh chique é ter educação…bjus

  • Parabéns para a Yara Howe, que soube ser jornalista e cobrir a pauta sem ser tendenciosa.
    Quanto a esse ser chanado Glória Kalil, jamais vi um comentário dela que não fosse preconceituoso. Ela se acha a última bolacha do pacote, mas é feia e brega, nada há de chique numa pessoa que seja preconceituosa como ela.
    Ser gorda não quer dizer ser doente, ser anoréxica é ser doente. Sou gorda, estou com, pelo menos, 40kg acima do peso dito ideal, mas com exames muito melhores do que várias magras que eu conheço! tenho um condicionamento físico bom, não tenho nem sombra de diabetes, colesterol alto, nem nada!
    Queria saber onde ela se embasa pra falar tanta M… Os próprios médicos já estão abolindo o tal IMC, pois ele não leva em conta estrutura óssea, nem o biotipo da pessoa. Sem falar que foi determinado por cientistas estrangeiros, acostumados com pessoas mais altas e longilíneas que os brasileiros. IMC é uma farsa e não deveria ser padrão para nada, nem mesmo para um cirurgia de redução de estômago!
    Já está passando da hora das pessoas entenderem que não se é gordo simplesmente pq se come demais! Eu como muito menos do que várias magras! Existem causas muito mais fortes do que excesso de comida para determinar que vai ser ou não gordo!
    Falar que é mais bonito ver uma anoréxica na passarela é o cúmulo da falta de noção! É falar sem pensar nas consequencias das palavras pra quem está lendo. É isto o resultado da falta de necessidade de diploma para ser chamado de jornalista. Esta mulher não é, nem nunca será, jornalista! É um desperdício de espaço na mídia…

    • patricia

      DANI
      o pior de tudo é a falta de respeito ,
      nós temos sentimento
      e palavras mau ditas são a mesma coisa que um soco ou até mais
      pois atinge nosso interior
      é ofensa gratuita,
      é uma forma de aumentar a discriminação.
      estou muito chateada,ta sendo dificil ….
      essa mulher tem que ter uma chamada ,as coisas não podem ficam assim.

      • Patrícia,
        acho que já passou da hora da gente se revoltar de verdade, parar com mimimi, reclamar pelos cantos e não fazer nada efetivamente… Acho que o ideal seria que cada um que comentou aqui, mandasse um e-mail pra ela comentando a falta de tato dela, mas tudo no salto… e divulgar nos nossos blogs, twittes, orkut, fazer o máximo de propaganda negativa possível deste tipo de atitude cheia de preconceito.
        No mais, estamos aí!
        bjim

      • Patrícia,
        acho que já passou da hora da gente se revoltar de verdade, parar com mimimi, reclamar pelos cantos e não fazer nada efetivamente… Acho que o ideal seria que cada um que comentou aqui, mandasse um e-mail pra ela comentando a falta de tato dela, mas tudo no salto… e divulgar nos nossos blogs, twittes, orkut, fazer o máximo de propaganda negativa possível deste tipo de atitude cheia de preconceito.
        Me irritei tanto com ela que até virou post no meu blog! 😀
        Mas somos melhores do que ela! E isto me deixa MUITO feliz! 😉

        bjim

      • patricia

        Danni…..
        adorei seu texto ta aqui um pedacinho……

        Chique é saber conviver com as diferentes belezas, exaltalas ao máximo, valorizar as diferenças e a diversidade. O mundo seria extremamente triste se todos pensasem como você. Foi com essa idéia de padronizar a raça que Hitler começou o extermínio judáico; é essa falta de tolerância com o diferente que provoca guerras pelo mundo. Pensamentos assim deveriam ser BANIDOS do mundo público….
        Bjinhos

  • cris moroso

    Vi a reportagem no programa da Ana Maria e vim correndo para o computar para visitar o site. Adoro a Glória, mas fiquei chocada ao ver a falta de elegância dela sobre o evento de vocês. Gordinhas ou não, o que importa é ser feliz e estar com a saúde em dia. Bela iniciativa.

  • patricia

    http://maisvoce.globo.com/MaisVoce/0,,MUL1474586-10340,00-SER+GORDINHA+E+SER+SEXY.html

  • Rosa

    Meninas, obrigada por divulgar essa matéria, as pessoas precisam saber que a “chic” como é tratada a Sra. Gloria Kalil não passa de uma preconceituosa, coisa pequena.
    Nós GORDINHAS LINDAS ASSUMIDAS nos amamos, gostamos de viver, de receber e dá prazer e não ficar a mercê dos biótipos criados pela mídia. Esse tipo de pessoa merece ser banida da terra e principalmente dos holofotes que a rodeia.
    ‘Detalhe” – Acho que ela “Gloria Kalil” não tem espelho grande o suficiente para se vê, por isso é tão preconceituosa com AS MARAVILHOSAS GORDINHAS MULHERÃO.
    Beijos

  • Regina Helena

    Olá ,
    Primeiro quero parabenizá-la pelo seu blog!!!Muito bem escrito, com muitas dicas, enfim, tudo que precisamos!
    Segundo, dizer que adorei conhecê-la, a vi hoje, no MAIS VOCE..Simpátia, linda, charmosa e nada de “anomalias”…
    Fiquei chocada com as palavras de Gloria Kalil, não sabia deste lado preconceituoso!!!
    Nada mais a acrescentar quando uma pessoa pública e do mundo “moda” tem esses “pre”conceitos… Fiquei decepcionada!
    Leia a matéria que saiu na Revista da Folha, UM ET NA SP FASHIONWEEK, escrita por Ricardo Bonalume Neto e, concluiremos que a opinião masculina difere totalmente dos comentários de Gloria Kalil!
    Beijocas

  • Rose

    Gente, estou DECEPCIONADA com as palavras cheias de preconceitos da Glória Kalil.
    RESPEITO pelo ser humano, seja ele magro ou GORDO.

  • Graziela

    Deploravel é a unica palavra que encontro pra descrever tal materia infeliz e de muuuuito mal gosto de uma pessoa que pra mim não tem a menor condição de julgar ninguem e nem é se quer uma pessoa feliz,pois para tecer tais comentarios maldosos sobre um evento e sobre lindas modelos sem ao menos ter assistido não merece se que uma ruga de preocupação de nossas lindas faces. Anomalia e sim o preconceito de tal mal amada senhora,que em sua face ao aparecer na tv deixa claro sua frustação. Uma pessoa que para alguns( menos para mim) e referencia em elegancia não devia jamais abrir a sua enooorme boca para rotualr alguem.
    Nos mulherões somos mais que uma carinha bonita,somos cultas,inteligentes,hiper bem resolvidas e ao contrario de alguma magrinhas ou perfeitinhas como a que a dita senhora citou somos muito amadas,respeitadas e não precisamos de mais nada. Essa senhora tem que rever seus conceitos sobre gente pois ela esta muito errada. E respeito e primordial e educação tambem ou sera que quando crinça ela não aprendeu que é feio rotualr as pessoas.

  • WALDECK REIS

    Queridos companheiros e companheiras, o texto abaixo, foi o que acabei de enviar à senhora Glória Kalil, em seu site Chic, espero que me apoiem e coadunem com minha opinião.

    BOA TARDE, PREZADA GLORIA KALIL.
    VENHO POR MEIO DESTE, EXPRESSAR TODO MEU DESAPONTAMENTO E PRINCIPALMENTE MEU TOTAL E COMPLETO DESPREZO POR SEU TEXTO, NADA EDUCADO E TOTALMENTE PRECONCEITUOSO.
    A RESPEITO DO SÃO PAULO FASHION WEEK PLUS SIZE. ACREDITO QUE, EM PLENO SÉCULO 21, PESSOAS COMO A SENHORA QUE SÃO FORMADORAS DE OPINIÃO DEVEM SEMPRE MEDIR SUAS PALAVRAS E PASSAR POR CRIVO, PARA QUE SUAS OPINIÕES NÃO VENHAM OFENDER E DESRESPEITAR O PÚBLICO QUE AINDA SE PRESTA A LER E ASSISTIR SEUS TEXTOS E REPORTAGENS.
    ATRAVÉS DESTA CRÍTICA CONSTRUTIVA ESPERO QUE A SENHORA FIQUE MAIS ATENTA AOS SEUS PENSAMENTOS E TEXTOS, NO QUE DIZEM RESPEITO À IMAGEM DAS PESSOAS, POIS COMO A SENHORA BEM SABE, O SER HUMANO “MAGRO OU GORDO”, SÃO BEM MAIS DO QUE UMA FOTO OU UM VÍDEO PODEM EXPRESSAR.
    ESPERO, SINCERAMENTE, QUE ESTE SEU TEXTO, ESCRITO DE FORMA E EM MOMENTO UM TANTO “EQUIVOCADO” NÃO VENHA LHE TRAZER DESABORES EM ÂMBITO PESSOAL, PROFISSIONAL E MUITO MENOS JURÍDICOS, POIS É O QUE A SENHORA ESTÁ MERECENDO.

    SEJA FELIZ.
    ATENCIOSAMENTE,
    WALDECK REIS

  • Katiane

    Não sei por que perdermos tempo com essa pessoal. Ela se acha o ultimo biscoito do pacote. nunca fui fã dela agora então piorou, gostaria de saber em que planeta ela vive.Isso é coisa de mulher mal amada.

  • Melina

    É inacreditável que ainda hoje, numa época de tantas transformações em conceitos e solidariedade ainda existam “seres” (porque me recuso a chamar ela de passoa) como a Glória Kalil capaz de usar suas palavras para ser tão mesquinha, baixa e vil… Eu como uma gordinha, ou como uma anomalia, pra ela só sinto pena de sua alma, ou será que ela tem uma???
    É a primeira vez que entro no blog, vi vocês na Ana Maria e adorei!!! Continuem assim, MA-RA-VI-LHO-SAS!!!! Beijos

  • Sueli

    Infelizmente ao ler o artigo pensei… Realmente há no mundo inversão de valores… As pessoas se preocupam tanto com o externo e esquecem o fundamental… Caráter, personalidade, honestidade consigo mesma, lealdade e acima de tudo RESPEITO PELO PRÓXIMO. É triste constatar que uma senhora tida como educada e culta dê um exemplo feroz de GROSSA e IGNORANTE, ainda por cima fazendo uma incursão no mundo da Medicina. Senhora Kalil, sempre fui gordinha, nunca tive problemas de saúde, tive meu filho com uma pressão arterial, taxas de triglicerídeos,colesterol e por aí vai… que muitas “magrinhas” sonham em ter. É… A senhora perdeu uma excelente oportunidade de ficar calada. Quanto a modelo da foto digo apenas uma coisa: ” Querida, inveja mata. Vc se aceita e é feliz. Procure seus direitos na justiça pois obteve com os comentários, subsídeos suficientes para um Processo por dano moral contra essa senhora.” Isso deveria ser feito, pois qualquer juíz no mínimo faria essa senhora se retratar publicamente, e isso sim seria justo para conosco.

  • Realmente Sueli a falta de caráter assola em todas as esferas. Mas junto com ela vem o pior que é a falta de educação. Fui ensinada a não criticar nem julgar as pessoas por motivo nenhum e muito menos pela aparência. Mas parece que essa gente que se diz “entendida” do assunto não tem um pingo de educação. Tenho o livro da Glória ganho de presente de um grande amigo. Vou jogar fora!!!!
    Já vimos que educada, refinada, chic ou sabia essa senhorinha não tem nada. Penso mesmo que é uma complexada com seu tamanho e falta de enchimento para ter em que pegar. Puro osso e quem gosta é cachorro. bjks

  • Nossa, fiquei chocada com as palavras preconceituosas de tão afamada consultora de moda. Se não tivesse lido essa matéria neste blog, provavelmente, uma hora dessas, estaria chorando e correndo dos espelhos, me achando a mulher mais feia do universo. Com certeza, ela perdeu milhares de admiradoras após esse infeliz artigo. De consultora de moda, ela pulou para estatística, medica, advogada e juíza. Não teve inteligência para discernir que as palavras depois de proferidas jamais são esquecidas e que, mesmo com o arrependimento, ela perdeu uma boa parcela do seu publico feminino.

  • Bruna Fernandes

    Realmente eu estou chocada….Considerava Gloria Kalil um pessoa muito antenada aberta e educada…. comooo a vida nos surpreende não é?

    Não sei em qual shopping ela foi só sei que não condiz com a realidade. Desde quando uma pesquisa de caderninho pode ser levada em consideração em um site de tamanha repercussão??? Por favor, né.
    Respeito é bom e nós gostamos. Aliás, exigimos.

    Antenada ela não é … pois se olhasse para o lado… não aquele do cinema… se saisse as ruas.. até arrisco dizer que se realmente utilizasse fontes confiavéis veria que a relidade é bem outra. Eu amo minha realidade cheia de curvas.

    Agora Anomalia?
    Segundo o que foi divulgado na internet, na tv etc todas as modelos estão saudavéis e lindas! Com uma alegria de viver e uma aceitação que ela certamente não possui…. Isabella Fontana corra atrás dela, então…
    Eu me olho no espelho e me acho top se vc não o problema é seu.

    Ninguém aqui faz apologia a obesidade, valorizamos quem somos, valorizamos a aceitação e somos contra essa alienação de que as magras e altas são o padrão… acho que por Gloria viver nesse mundo alienou-se… Procura um tratamento, ok? Não tente jogar areia ou dar opiniões irresponsáveis quando não possui conhecimento suficiente. Não sou a mais informada, mas vivo 24 horas em meu corpo o que já contabiliza algumas horas de experiência nesses meus 21 aninhos…

    Garotas continuemos … toda mudança assusta os ignorantes… toda mudança é temida pelos controladores… A revolução tá aí… é hora de falar… hora de mostrar..

  • Nilza Negrão

    Glória Kalil… diz o ditado popular que “em boca fechada não entram moscas”, sendo assim… em certas ocasiões é muito arriscado a gente sair conceituando as coisas e ou situações, principalmente de forma preconceituosa… na dúvida é preferível não arriscar. Decididamente você perdeu uma excelente oportunidade de ficar calada. Você deve ter respeito para com as pessoas independentemente da condição delas. Abraços…
    Nilza Negrão.

  • Érica Aline

    Gente… eu nunca comentei nenhum post de nenhum Blog… NUNCA…
    Mas li as palavras da Gloria Kalil, a quem sempre admirei, e fiquei boba, horrorizada…
    Não acredito que por anos admirei essa mulher…
    Nossa… acabou pra mim… apareceu na TV… mudei de canal.

  • patricia

    Alguém sabe se ela trabalha na plin plin,será que por isso chamaram vcs para irem no programa matinal ,pra ficar como uma mau entendido e esquecerem o ocorrido.
    Não pode ficar impune essa mulher .
    Algum advogado de plantão por favor faça alguma coisa.

  • Veranie

    GENTE ME AMARROTA QUE EU TÔ PASSADA!

    BIXAAAA!!! QUEBRA ESSE OVO QUE EU CHOQUEI!!!

    Sério, tô bege, rosa chiclete e todas as cores possíveis e inimagináveis com este artigo INFELIZ que minha querida GLORINHA KALIL escreveu.

    Meninas do blog, não tenho tempo para ler todos os comentários agora, mas vou ler, mas antes de tudo gostaria de saber se alguma de vocês falaram, ou tentaram falar com a Glória? Sei lá, acho que devemos cobrar isso dela, pedir uma retratação com a lindíssima Julia, ou no mínimo retificação, néam?

    Ah, gostaria de falar que parabéns pela aparição no Mais Você hoje de manhã, minha mãe despencou da loja dela até aqui na minha casa (que fica praticamente em frente, rs) para me acordar para ver, mas infelizmente meu sono foi maior e eu acreditava que mais tarde no site da globo teria a matéria na íntegra para eu assistir, mas não teve… Vai ter? Parabéns assim mesmo, tenho certeza de que ARRASARAM!

    Beijoooooooooossss

  • Érika

    GENTEEEE… QUE COMENTÁRIO HORRENDO…
    DE PÉSSIMOS MAL GOSTO… NADA CHIQUE!

    MAS A TODAS ”MULHERES MULHERÕES” , PRA QUE SE INCOMODAR COM TAL COMENTÁRIO DE TANTO MAL GOSTO?
    INFELIZMENTE EXISTEM PESSOAS QUE PRA SE SENTIREM BEM, TEM QUE DERRUBAR A AUTO-ESTMA ALHEIA… E PRA QUE SE DEIXAR ABATER POR UM COMENTÁRIO IDIOTA QUE UMA PESSOA FEZ?
    QUANTAS MULHERES ALTAS E MAGÉRRIMAS (QUE É O QUE ELA CONSIDERA BELO), VCS JÁ VIRAM NA RUA? QUANTAS MULHERES COM O BIOTIPO ISABELLI FONTANA, VCS VEM NAS RUAS?
    QUER DIZER QUE SE 1% DAS MULHERES SÃO ASSIM, OS OUTRO 99% SÃO MULHERES ”ANORMAIS” QUE PODEM SE CONFORMAR COM A SOLIDÃO ETERNA? COM A INFELICIDADE? TENHA SANTA PACIÊNCIA…
    UMA VEZ, NA TV, VI UMA REPORTAGEM COM A ISABELLI FONTANA, ONDE SE NÃO ME ENGANO ELA HAVIA GANHO A MULHER MAIS SEXY, E TAL… E ELA DISSE + OU – ASSIM: NÃO SEI COMO VCS PODEM CONSIDERAR SEXY ALGUÉM TÃO MAGRA, MAS TUDO BEM, ESTOU FELIZ COM O ”PRÊMIO”… FOI MAIS OU MENOS ISSO…
    MAS SE ELA SE CONSIDERA OU NÃO SEXY SENDO MAGRA, JÁ É ASSUNTO QUE NÃO NOS CABE…
    O QUE NOS CABE É NOS CONSIDERARMOS SEXYS, TANTO QTO AS MAGRAS, AS SARADAS… TANTO QTO QUALQUER OUTRA MULHER…
    O QUE IMPORTA É NOS CUIDARMOS, NOS ARRUMARMOS, NOS AMARMOS E ESQUECER COMENTÁRIOS DE TÃO PÉSSIMO GOSTO, DE PESSOAS QUE SE SENTEM TANTTTOOOO, MAS QUE NA VERDADE, NÃO PASSAM DE SERES PRECONCEITUOSOS… QUE ACHAM QUE TODOS TEM QUE SER VERDES… QUE O ROSA, É FEIO, É ANORMAL…

  • Érika

    MAIS UM DETALHE BÁSICO…
    QUANTAS PESSOAS A GENTE VE, FAMOSAS, MAGRAS(PQ PRA ALGUMAS PESSOAS SER MAGRA É O MAIS IMPORTANTE NA VIDA), RICAS E BEM SUCEDIDAS, INFELIZES, DEPRESSIVAS…SE ENTUPINDO DE REMÉDIO?
    PQ, NÉ? SE O QUE IMPORTA NA VIDA É SER MAGRO…É USAR MANEQUIM NO MÁXIMOOOO 38.
    PENSEM NISSO!!!!

  • Andiara

    Que “boas maneiras” tem essa Glória Kalil…mas deixa pra lá,não é essa coisa à toa que vai nos impedir de sermos felizes do “jeitão” que somos!!!Abração a todos os MULHERÕES do mundo!E pra ti também Glória,quem sabe um abraço te torne um ser humano mais gentil e democrático!!!

  • Alexsandra

    Meninas fiquei chocada…..
    Não acredito até agora que uma pessoa como ela tenha feito uma barbaridade dessa. Me senti humilhada, triste e até deprimida com essa reportagem. Acho que foi uma ação sem pensar direito, mas quem somos nós para julgar as pessoas? A gosto para tudo, pessoalmente não vestiria 99% das roupas desses estilistas que infelizmente ditam a moda no Brasil e no mundo.
    Beijosssssssss

  • ketulin Cota

    Boa Noite Gente, Bom conheci o Blog hoje pelo Programa Mais Você…..
    Nunca Gostei da Glória Kalil, Para mim nao é novidade ela JULGAR, as Mulheres que estao acima do peso!
    Tenho 18 anos 1.72 de altura e 60. Quilos……Estou na faixa ideal de pesso, nem por isso saio Falando das gordinhas, O fato, que Voce nao tem que descriminar as pessoas pelo tipo Físico e sim pelo caracter da mesma!
    Estou no segundo ano de médicina, e Queria comentar principalmente esse parágrafo
    “Volto ao assunto: obesidade ou anorexia? O nome carinhoso para obesas é “fofa”, assim como o das anoréxicas é “magrinha”. As duas são anomalias e nem de longe padrão de beleza para ninguém da cultura ocidental moderna.”

    Queridas:

    Conceito de Anomalia:
    – Anomalia não é somente defeitos estruturais grosseiros, mas também malformações microscópicas, erros inatos do metabolismo, perturbações da fisiologia, retardo mental e anormalidades celulares e moleculares do organismo de determinado indivíduo.

    Conceito de anorexia:
    ANOREXIA (significa “sin apetito”): É um transtorno da conduta com desvios nos hábitos alimentícios que se expresa por un rechazo contundente a manter-se no peso corporal nos valores mínimos aceptados para una determinada idade o estatura.

    Conceito de Obesidade:
    A obesidad se caracteriza pelo excesso de grasa(gordura) no organismo e se apresenta quando o Indice de Massa Corporal no adulto e maior de 25 unidades.
    A obesidade nao distingue cor de pele, idade, nivel socioeconómico, sexo o situación geográfica.
    De forma patológica (não normalmente) pode tornar-se OBESO por ter mais facilidade de produzir gordura, “queimando” gorduras com menor facilidade.

    Se for pensar no Caso de HEREDITARIEDADE:
    A hereditariedade está associada não apenas com obesidade, mas também com a magreza. De modo geral o componente genético do peso está mais correlacionado com o peso biológico da mãe. Se a mãe for obesa quando adulta, a chance de seu filho ser obeso é aproximadamente 75%. Igual porcentagem é a chance da criança ser magra se a mãe for magra. OBS: isso nao quer dizer que a Criança nascerá anorexia.
    RECADINHO para TODAS as MULHERES:
    Voces que estao Abaixo ou acima do peso….Nos somos lindas e maravilhosas, do mesmo jeito, independente da classe social, do tipo Fisíco, do País… só tem que ter Cuidado Com a SAÚDE….Pois so precisamos dela para ficarmos ainda mais lindas, Sem rulgas, Olheiras…O importande é a Saúde e ser FELIZ!

    E nao liguem pelo Que pessoas sem CULTURA dizem….

    Afinal como diz Ana Maria:
    “Mulherão é na verdade quem mata um leão por dia!”

    Parabéns Pelo Blog e um Beijao!

  • Anna Paula

    é tudo bem que cada um tem sua opinião sobre cada assunto….agora a Glória Kalil exagerou demais hein?!

    Tipo sou “gordinha” e gosto de ser assim e sou feliz…tenho uma prima que tem o manequim tipo o da Isabelli Fontana e nem por isso ela é feliz…vive cheia de problemas com o espelho, com roupas que sobram demais e que nunca ficariam bem nela e ficam bem em mim…como dizia a minha bisavó -eu tenho corpo para encher as roupas! rs…

    Acho que cada um tem o corpo que tem!

    E como diz o meu irmão, quando alguém te disser que você está gorda vc diz:
    “- Eu tô gorda e posso emagracer e você que é feio?!”

    Beijos para todos os MULHERÕES!

  • Vera Alves

    Tambem estou bem acima do peso,e ainda não consigo me aceitar,tenho chorado muito com este corpo que agora tenho,mas já tentei muitas coisas e sinceramente não é facil emagrecer. Quando vejo programas como o de voces na Ana Maria Braga,me dá um pouco de esperança,mas ainda assim é muito dificil viver com 30Kg a mais. Espero que um dia as pessoas nos julguem pelo que somos e não pelo corpo que temos. Obrigada.

  • Ana

    Gloria Kalil…parecendo ser até inteligente…tá precisando ver o conceito de anomalia…gente inteligente, antes de falar alguma coisa precisa saber do que está falando antes…pra não dizer uma besteira tamanho x-GG dessas!!!

  • Kryscia

    Bom também tenho corpão, cintura fina, peitão e bundão… sou cheinha e faço sucesso com o que tenho e tenho certeza q se fosse magrela não teria graça nenhuma, Glória Kalil … “QUEM GOSTA DE OSSO É CACHORRO”… a mídia quer impor um perfil exato de mulher magra, que acaba ficando sem saúde, e muito mais doentes que as mais cheinhas, concordo que as cheinhas também precisam se cuidar para não transformar o CHARME em problemas de saúde.. mas tô bem do jeito que sou.. e os homens ADOOOORAM.. a Glória é magrela toda enrugada e deve ser mal amada por isso que critica e fala asneiras…
    Bjoooos a todas GOSTOSAS do Brasil!!! Sou 100% nós!!

  • Nossa Renata eu fiquei bestificada, com esse seu artigo e com os insultos e falta de respeito da Gloria Kalil com nós “gordinhas”.
    Acredito que como eu, muitas tbm não querem ser gordinhas ou ridicularizada por aí. Ninguém sabe dos problemas que passamos, se temos disturbios alimentares ou emocionais ou se comemos bem. Quem ela acha que é, para julgar as pessoas? Uma jornalista metida a consultora de moda, que por sinal está bem fora da realidade do país onde ela mora? Que “etiqueta social” ela ensina para as pessoas, se ela mesmo é uma pessoa PRECONCEITUOSA? Acho que ela está bem equivocada das coisas que ela diz, não é pq um determinado grupo de pessoas elegeu ela como Consultora de Moda Brasileira, que ela deve pisar em cima de todo mundo. A palavra RESPEITO devia ser para ela a PRIMEIRA REGRA DE ETIQUETA SOCIAL, QUE ELA MESMO DEVERIA ADOTAR. E se não me falhe a memória, PRECONCEITO É CRIME.
    Acho se um grupo de MULHERÃO se unir e colocar essa pessoa na justiça, teriamos uma boa quantia reservada para a próxima FWPS. E mostrar que nós estamos aqui para ficar, e que temos amor e orgulho próprio. Fica aqui registrada a minha indignação. Sou mais uma na legião de MULHERÃO no Brasil.

  • Renata Batista

    Meninas,

    Estava eu aqui relendo os posts e pensando: creio que deveríamos seguir os passos de um de nossos amigos, que enviou um e-mail ao site. Há um campo “Fale conosco”, no rodapé da página.
    Seria mais do que justo, e se ainda há um ínimo de elegância por parte da autora do triste texto, elaborar uma retratação no site.
    Que tal usarmos os meios de comunicação disponíveis para nos fazermos ouvir?
    Claro que sem baixar o nível, pois temos conteúdo e charme suficiente para nos expressar com belas palavras.
    Eu já mandei o meu.
    Beijokas. =)

  • Veranie

    Já mandei meu email para o site!

  • Carina

    Eu concordo plenamente com vc, Renata. Gloria Kalil foi preconceituosa e infeliz, pra não dizer burra e mal educada! Ela escreveu: “Ou seja, tem mais gorda do que magra por aí.” Então, POR QUE, alguém me diga, a moda é dirigida apenas às magricelas tamanho 38? Outro comentário dela: “Gente não é que nem carro, que pode ter tamanho pequeno, econômico, médio ou enorme. Há um equilíbrio saudável entre altura e peso que é o ideal da funcionalidade e da estética de um corpo que deve, sim, ser perseguido.” Será que o equilíbrio de uma mulher com 1,80m de altura é o manequim 38??
    Outro diz fiquei horrorizada quando entre numa grande loja de roupas, popular alguns diriam mas que a garota propaganda é uma modelo famosa, procurando calça jeans e fui encontrar os tamanhos acima do 44 numa seção separada – “para gordos” – e, diga-se de passagem, com pouquíssimas opções de cor ou modelo. Qual é? Gente gorda não pode ter bom gosto não? Não pode ser vestir bem?
    O padrão de beleza da Gloria Kalil é o daquelas garotas anoréxicas das fotos divulgadas por sites de noticias semana passada?? É, tá na hora de rever os conceitos, Glória, e acabar com o seu PREconceito!

  • lana Medeiros

    Nossa fiquei chocada com tudo isso, não sou anomalia nenhuma sou GG COM MUITO ORGULHO!!! Detalhe eu sou muito feliz sou linda e amada!!!!

  • “Terrível” é a palavra certa para resumir a falta de discernimento dessa estilista…

    Preconceituosa e arrogante.

  • Eu fiquei paççççççada com Ç…

    Estou indo no site citado…como fizeram outras leitoras.

  • Nem sei se alguém irá ler esse comentário que irei fazer. Mas eu queria me manifestar diante disso. Eu sempre gostei da glória kalil, comprei até o livro dela, porque achava as dicas dela algumas vezes pertinentes, como o que fazer para alongar as pernas por exemplo. Eu tenho 1,60 e visto 46 para calças jeans e 44 para o resto. Tenho check up de 6 em 6 meses, e está tudo em ordem. Já tive problemas, lá pelos meus 11 anos com auto estima, mas hoje ME AMO MUITO DO JEITO QUE SOU. NÃO ME SINTO ANOMALIA NENHUMA. Sou capaz de achar isabelii fontana e fluvia lacerda lindas. Cada uma a sua maneira, e as duas, me parecem saudáveis. Diferentes de outras que vejo por aí, que não acho bonita nem saudáveis e nem vou chamando de anomalias.
    Me decepcionei MUITO com essa matéria, ela caiu no meu conceito como profissional da moda, parece que parou no tempo mesmo, plus size já é uma realidade. Se é saudável ou não, quem diz são médicos.
    Poxa, que decepção.
    Mas, meu namorado gosta da minha coxa, bunda, corpo 46, minha mãe me ama, minhas amigas, EU ME AMO… então não vejo anomalia nenhuma aí.
    Gloria, você é bleeeehhh…. Prefiro ler o blog OFICINA DE ESTILO, que ensina vestir para ser feliz.

  • Juliana

    O cérebro de Glória Kalil é uma anomalia.

  • Marcela Liz

    Chic é não ser preconceituoso.
    De extremo mal gosto o texto de Glória Kalil, no entanto, não me sinto nem um pouco surpresa com esta atitude. Afinal, este é o mundo que ela conhece, de ficção, de mulheres produzidas e programadas, muitas delas educadas para serem “ladies”, contidas e elegantes. Não acredito que a Sra Kalil tenha conhecimento de gente de verdade. E, nunca conseguirá compreender como uma mulher pode se sentir bonita e sexy pesando 30, 40, 50 quilos além do que ela considera aceitável. Ela é escrava da beleza, nós somos livres para sermos belas.

  • Sueli

    Eu não me considero uma “anomalia”, estou com 50 anos e sempre ou melhor depois da minha gravidez nunca mais fui magra, mas estou com a sa´de em ordem, não sou gg, mais sim extra grande. A unica dificuldade é encontrar roupas no meu tamanho, roupas bonitas,apesar de agora encontrar algumas calças jeans no meu tamanho 54.A Gloria para mim nunca foi de nenhuma valia porque só sabe dizer que uma pessoa está bem vestida se estiver de pretinho básico, ou roupas básicas de executivas, quero ver combinar roupas com o nosso tipo físico e ficarmos lindas e charmosas com o nosso estilo e nada de básico, já pensou se Chanel ficasse no basiquinho, então gente ela está assustada com a nossa ousadia, não existe padrão e sim saúde,cada qual na sua, será que ela consegue mudar seu basiquinho e ter opções de moda para uma mulher de atitude, segura e bem resolvida que não fica seguindo padrões com se o ser humano saisse de uma fábrica?Acorda Gloria,senão você fica pra trás com seu conceito, afinal como você mesmo disse tem mais pessoas fora do seu padrão ,e sem a maioria,meu bem,não tem mídia que de jeito.

  • Cat

    Gloria Kalil nunca representou nada pra mim, sempre me pareceu muito preconceituosa e elitista… nao me surpreende ela ter escrito tudo isso..
    Agora, tambem nao acho muito legal as leitoras aqui postarem comentarios maldosos a respeito das magras…
    Acabamos de ler um artigo falando que temos que respeitar as diferencas…
    Eu sou magrinha, sempre fui.. nao gosto, sempre tive apelidos terriveis…
    Pq na verdade, na verdade… No Brasil, quem nao tem perna grossa, cintura fina, barriga chapada, peitao e bundao (digo: perfeita) nao eh ngm…
    Entao magrinhas e gordinhas, somos todas precionadas por essa midia ridicula, na busca por um corpo, que ai sim chamo de anomalia, como esses mulheres frutas…

  • Não sabia que eu era considerada uma anomalia!
    Ler isso, justamente de alguém que se julga tão chic!
    Uma magricela que só anda de cinza, de preto, com uns pedaços de pano enrolados no pescoço, parece que está sempre de luto.
    Tão atualizada, tão moderna e tão preconceituosa.
    Glorinha…inha mesmo, você não sabe nada!
    A vida é muito mais que isso…muito mais que modismos, achismos e preconceitos.
    Já imaginou se você de repente apresentasse uma anomalia genética e ficasse gordinha? E pior se não houvesse tratamento? Como você iria se sentir?
    O mundo dá muitas voltas…..
    Respeito é fundamental, e nós gordinhas gostamos muitoooooooooo!!!!!

  • Marta Morgan

    Olá meninas!!

    Acordem!! estão dando muito ibope pra fulana, é isso que ela quer…deixa pra lá, só leva martelada prego que esta em evidência, vamos dar zero pra ela srsrsrsrsr relaxem, não deixem que os objetivos dela sejam alcansados, a sua ira. Pense nisto ok.Beijocas com sabor de sucesso para todas e todos.

  • Vera

    Anomalia é o cérebro desta senhora que se acha “chic” e o pior, “acha que ensina a ser chic”.
    Que decepção…
    Prefiro ser gorda e muito bem amada pelo meu marido do que ser “chic” e preconceituosa…
    O comentário da “nobre” senhora é nada mais é do que dor de cotovelo, pq não deve saber nem de longe o que é ser amada…
    Zero pra ela e de agora em diante quando a ver em algum programa vou com certeza mudar de canal.

  • Pingback: Guia de compras do Fashion Weekend Plus Size « Mulherão()

  • rosa

    sinceramente fiquei profundamente ofendida com o comentário dessa senhora ,aquem me refiro respeitosamente
    por conta de sua já avançada idade,mas vamos combinar ela perdeu uma grande oportunidade de ficar calada ,pois demonstrou explícitamente seu preconceito .será que ela gostaria de ouvir comentários como esse a respeito das mulheres “idosas” como ela ,acho que não e eu nem os faria pois acho esse tipo de coisa muito pequena.ela deveria se retratar públicamente ,pois algumas amigas minhas que leram a matéria e se sentiram ofendidas pessam em cobrar isso através da lei ,existem coisas que maltratam mais que um tapão na cara…..

  • Flávio Santiago

    Olá Mulherões e demais adimiradores do blog (assim como eu. Rs…) Já avisando previamente, sou fã da Glória Kalil, mas fiquei muito chateado com tudo que aconteceu, desde o conteúdo da matéria, até a repercussão negativa aqui no blog.

    Sim, sim. eu não gostei da matéria. E ainda não tenho uma opinião totalmente formada sobre tudo o que aconteceu, mas diante de tudo, está mais evidente que ela foi equivocada, e que na realidade a humanidade tem que colocar na cabeça que uma pessoa obesa pode ser saudável sim, e o quilos a mais é só um detalhe. O mesmo digo para uma pessoa muito magra.

    O problema não é ser muito gordo ou muito magro. O problema é não conseguir andar por ser obeso. É não conseguir fazer coisas banais como correr, trabalhar, praticar esportes, sair pra passear, fazer compras, coisas tão simples, mas absolutamente indispensáveis. E ainda não sei de mais transtornos que a anorexia pode causar, mas como a Renata diz: todas devem se cuidar.

    Torço que a Glória não tenha feito essa matéria por maldade. Afinal, pré conceitos todos nós temos. Mas tudo tem limite. E eu acho que ela Deveria ter ido ao FWPS sim. E pronto. E que ela vá no próximo.

    Abração a todos.

  • Marcus Vinicius

    Sinceramente, Gloria Kalil é um péssimo tipo de pessoa, demonstrou desrespeito e falta de humildade para com todas as mulheres do Brasil, ela por acaso é um bom exemplo do que é beleza??? Não!!! Gloria Kalil e Boris Casoy podem dar as mãos, porque são duas pessoas que não tem respeito e amor no coração.

  • Eliana Figueiredo

    Sem comentários, acho que anomalia está dentro da cabeça dela….

  • Roberta Terra

    Sabe que eu acho, é que a Glória sempre trabalhou com esse tipo de beleza que a sociedade impões, aí o que acontece, surgem umas meninas maravilhosas que começam a mostrar que beleza não é medida na balança, isso incomoda Glória, porque irá influenciar diretamente nos negócios dela, já que a grande maioria das pessoas está acima do peso e com isso as pessoas vão dar mais ouvido a essas meninas maravilhosas do que a Glória que só conhece um tipo de beleza, a diferença é que antes ela podia influenciar as pessoas a seguirem esse padrão que ela quer e hoje ela ja percebe que muitas não caem mais nessa.
    E agora ela deve ta pensando pra quem irá vender seus livros que só servem pra um tipo de beleza, quem irá respeitar sua opinião sobre o que é ser chic. Na verdade, agora quase ninguém, porque quanto a estilo esse PSFW mostrou que sabem ser tão chic quanto Glória era.
    Pra ela isso tudo é concorrencia e por isso a incomoda tanto.

  • Ronise

    Glória Kalil foi mto infeliz em seus comentários. Para expressar opinião não é necessário deixar o respeito de lado.Talvez o tenha feito pra causar polêmica mesmo… afinal a realidade mostra sua cara. A mídia defensora da magreza a todo custo vai aos poucos sendo desmascarada pela mulher real. E contra fatos, poucos são os argumentos. Viva a mulher de verdade!

  • Kall

    Eu particularmente acho um absurdo,esse tipo de declaração PRECONCEITUOSAA como a de Glória Kalil,boas maneiras não são representadas apenas à mesa ! Eu tenho 17 anos,peso 85 kg e SIM,eu estou a cima do peso para o “padrão” de meninas na minha idade,padrão que discordo TOTALMENTEE.
    Essas estilistas,consultoras e etc.. Na minha opinão são apenas DEMAGOGOS que geralmente,fazem apologiia a uma coisa,que na prática são opostas…MUITOOOOOO se falou à respeito do SPFW ,que as meninas dessa temporada estavam mais magras que o comum,e muitas das pessoas que “dizem” conhecer de moda,disseram discordar disso.Mais eu me pergunto,pra essa imagem,e esse excesso de magreza acabar,ou pelo menos diminuir ALGUÈM deve dar o primeiro passo,alguém faaz,ou fez isso ?
    A resposta é óbvia..CLARO QUE NÂO !!!
    isso é ou não é demagogia ?!
    Então,quando alguém finalmente tenta mudar isso,vem alguém,pessoas a cima do peso são anormaiis ?
    Francamente,de uma coisa eu sei.Na própria famíliaa delaa,com toda CERTEEEZA do mundo,não tem pessoas de manequim 38 apenas..
    🙂

  • Olá meninas,
    conheci o trabalho de vcs pelo programa da Eliana e logo de cara entrei no blog de vcs, e realmente fiquei chocada com o texto da Gloria, eu particularmente curto o trabalho dela e nunca pensei que ela faria um tipo de comentários desses. Eu tb adoro moda, até comecei a estudar design de moda e hoje tenho dois blog´s, a moda da mesma forma que é bacana e tal, ela é cruel e seletista. Pra mim uma pessoa que faz um comentario assim tem a mente fechada e não respeita o outro.
    Amei o blog de vocês.
    Vou colocar o endereço de vcs no meu blog e indicar master para todas as mulheres.
    Infelizmente a moda, como muitas outras coisas na sociedade é um sistema, que as vezes as pessoas se dispoem a pagar preço cara para estar dentro dele, mas eu prefiro estar fora e fazer meu trabalho, independente do que todos acham se está dentro ou fora da moda ditada por grandes estilistas e consultores de moda.
    O importante é ser feliz, e feliz é quem é verdadeiro consigo mesmo. Não abre consessões para fazer parte deste sistema escravo.
    Beijos meninas e parabéns!!

  • milena ouro preto

    Ser chic Dona Glória Kallil é respeitar as pessoas acima de tudo, sem distinção de idade, cor, poder aquisitivo, peso ou altura.
    Ser chic Dona Glória Kallil é criar uma atmosfera de inclusão a todos.
    Ser chic Dona Glória Kallil é desenvolver idéias que ajudem os que estão ” fora dos padrões estéticos” que a midía tanto impõe.
    As pessoas não estão acima do peso por que querem estar, do tipo: Ah eu vou comer muito por que quero ficar gorda, isso não existe.
    Mas precisamos sim nos sentir melhor com uma roupa bem modelada, com um sapato que não exprema nossos pés . Somos mulheres em busca da felicidade e não do corpo politicamente perfeito.
    Sabe o que eu realmente desejo:
    É que as pessoas parem de ser fingidas e fúteis, saiam de cima do salto 12cm e se ponha em nosso lugar.
    Sinta na nossa pele o que é ser discriminada, envergonhada por lojas que só vendem manequim até 42 ou que anunciam tamanho GG que equivale ao M. Não é fácil estar acima do peso e ainda temos que aguentar críticas de uma pessoa que teve a sorte de nascer sem nenhuma disfunção hormonal.
    Parabéns Senhora Glória Kallil, enquanto você perde seu tempo discrinando pessoas eu ganho meu tempo em busca da felicidade.
    Anomalia é ter a lingua grande e venenosa espero que todos que estão a sua volta tenham um corpo perfeito, para não se sentirem excluidos por você.

  • edmaura

    Que decepção…
    Prefiro ser gorda e muito bem resolvida ,sou muito amada mim,e pelas pessoas ao meu redor
    eu me adoro, sou maravilhosa.
    Sou inteligente, esperta, saudavel, sou verdadeira , nao fico por ai fingindo ser oque nao sou. Como essa senhora que se diz tao “chic” e nao sabe que o basico de ser chic e elegante e nao ser preconceituosa…

    obs:
    Senhora Gloria Kalil , é bonito ser ridicula , preconceituosa e metida a besta ?…
    Prefiro ser gordinha e feliz comigo doque ser voce
    com essa cara de bolo,que engroou no forno.

    Edmaura

  • ana

    não merece nem resposta!!!!!!!! os ignorantes devem ser ignorados… se ela ñ v beleza e normalidade em uma pessoa acima do peso ideal, isso além de preconceito é um defeito dela e problema dela tbm!! azar dela q acha isso, como ela disse cd x q sai nas ruas v + gordos e a tendencia é isso só aumentar, se ñ gosta, vai t q aprender a gostar… se ñ respeita, vai t q aprender a respeitar… paciencia!!! Ñ é o obeso q é anormal, anormal é a intolerancia! Ainda bem q ela ñ gosta só de gordo, já pensou se ela ñ gostasse de pobre??????

  • Yonara

    Eu nao aguentei! Tive q entrar no site dessa “senhora” (pra nao chamar de velha) e esclarecer que ela nao cria, apenas imita e copia o trabalho de profissionais da moda e dizer quem ela pensa que é pra julgar alguem. Ela envergonhas as mulheres, gordinhas, magrinha, altas, baixas… o importante é sermos quem somos, felizes sem a obrigatoriedade de seguir padroes comerciais ($).

  • tatiana

    Glória Kalil fez uma extrema estupidez em postar esse artigo de muito mal gosto e altamente preconceituoso. Espero que que ela tenha a sensatez de fazer uma retratação por tamanha imbecilidade. Desde já que ela saiba que muitas mulheres que a admiravam, estao super decepcionadas…farei questão de divulgar o artigo escrito do blog mulherão, que faz mensão a esse absurdo.

  • Olá amiga,
    Pessoas como essa “dama”,a qual fez um comentário de tão pobre conteúdo são dígnas de piedade e falta de cultura,embora seja tão cultuada no meio da moda.Por esse mesmo motivo que é cultuada:sua filosofia se direciona à pessoas vazias,se acham únicas,querem e acham que podem chamar atençãocomo de uma rainha,uma diva,única e absoluta.
    Acontece que essa tal Glória se encontra muito desatualizada,pois o direito á diversidade,à inclusão bata á porta do mundo atual.O direito de ser feliz e de sentir-se bem não é privilégio apenas de seguidores dessa uma.A vida está ai,as mulheres têm que trabalhar fora,cuidar da casa,dos filhos,estudar,sobra muito pouco tempo para serem escravas da balança,das medidas.E a vida passa…
    Pobre de espírito dessa”dama”,não?

  • Virginia

    GENTE, HOJE ESTOU EM UM DIA DIFÍCIL. FALECEU UMA AMIGA COM 24 ANOS MAGRA E CONSIDERADA SAUDÁVEL, TEVE UMA BACTÉRIA NOS RINS QUE DE LÁ SE ESPALHOU RAPIDAMENTE PELO SANGUE E A MATOU, ELA TEVE A MESMA DOENÇA QUE MATOU AQUELA MODELO QUE TBÉM TEVE COMO SINTOMA FORTES DORES NOS RINS ( NÃO ME LEMBRO O NOME DELA, MAIS ERA MAGRA), MAIS A CHAMARAM TBÉM DE ANORÉXICA. ESTRANHO NÃO É? MINHA AMIGA ERA MAGRA…….ESTOU TÃO ARRASADA, E VENHO AQUI NESTE BLOG PARA TENTAR ME DISTRAIR UM POUCO E ME DEPARO COM ESTA MATÉRIA.
    EU ESTOU COM TANTO NOJO DESTA GLÓRIA, QUE SÓ DE PENSAR NELA MEU ESTÔMAGO DÓI, MINHA CABEÇA DÓI, ME DEU UM TREMOR TÃO GRANDE DE RAIVA.
    MAIS PAREI PRA PENSAR POR UM INSTANTE E ME PERGUNTEI PQUE?
    DEUS CRIOU AS ADVERSIDADES PARA QUE O MUNDO FOSSE O QUE É HOJE, POR ESTE MOTIVO TEMOS ESCOLHAS, A GLÓRIA POR EXEMPLO ESCOLHEU SER ESTA MULHER MAU EDUCADA E TRATAR PESSOAS COMO QUALQUER COISA OU MELHOR COMO ANOMALIAS E O PIOR DE TUDO É ELA MESMA NÃO SE INCLUIR NO HALL DE ANOMALIAS MAIS QUAL SERÁ O TIPO EM QUE ELA SE ENCAIXA? E AO MESMO TEMPO PAGAR NA MESMA MOEDA EU ESTARIA ME IGUALANDO A SUA FALTA DE BOM SENSO E EDUCAÇÃO. PORTANTO ACHO MELHOR AGRADECER PELA MATÉRIA DE YARA COMO JÁ FOI DITO ACIMA UMA DAS MAIS VISITADAS E PERGUNTAR A GLÓRIA SE ELA DORME EM PAZ DEPOIS DE TANTO PRECONCEITO? TANTO PARA AS MAGRAS COMO PARA AS GORDINHAS. FICO IMAGINANDO SE ELA VISITASSE OS PAÍSES EM QUE A FOME E SUJEIRA DEIXAM PESSOAS TÃO DEFORMADAS POR FALTA DE OPÇÃO DE VIVER MELHOR, É O QUE ELES TEM NO MOMENTO, OU SEJA NADA. SÃO PELE E OSSO PQUE ESTÃO QUERENDO SE ENCAIXAR NA ANOMALIA DE GLÓRIA COMO ELA CHAMA ANOREXIA NÃO É? OU SÃO PELE E OSSO PQUE NÃO TEÊM UMA MESA FARTA COMO A DELA? OU PQUE TÃO AFIM DE SEREM FOTOGRAFADOS PARA PARTICIPAR DO FWSP E MAQUIADOS POR CELSO KAMURA, VESTINDO IÓDICE E POSANDO PARA O SITE CHIC. SERÁ QUE ELA ME RESPONDERIA ISSO.
    NÃO HÁ MESMO DE QUE, GLÓRIA KALIL!

  • LU PIVATO

    Hoje acompanhei o desfile no programa da Eliana, e achei maravilhoso.. vcs meninas arrasaram.. show de bola..
    A Glória tem o direito de dizer o que ela pensa, mas não tem o direito de ofender ninguém…
    Beijos a todas.

  • Valéria Gomes

    Galera calma, calma, Gloria Kalil não é formadora de opinião se fosse pesanria duas vezes antes de falar tanta babozeira que vai de encontro com a realidade.Peso IDEAL diz tudo ta no mundo das ideias, o peso real é outra coisa, a realidade é Plus Size saudavéis e felizes como somos, acho que ela que deve se preucupar em ficar sem clientes……kkkk

  • Karla

    Acho um absurdo ,tudo isso,Glória foi uma pessoa admirada por mim,me sinto enverginhada e humilhada com tais declaraçoes,pois somos lindas sim,somos plus size.

  • Cristiane

    Nem devemos tomar conhecimento desse tipo de gente. Devemos boicotar os programas que ela e outros como ela se apresentam, pois somos uma parte importante da audiência.
    Bom alguém assiste ao Americans next top model? Tem uma modelo MULHERÃO concorrendo e pelo que estou acompanhando, apesar das duras críticas que recebe de uma das juradas, ela está deixando indo muito bem.

    Um abração pra todas e parabéns pelas grandes conquistas!!!!!

  • Ana Claudia

    O q eu tenho a dizer é o seguinte:
    Que eu sou gorda e posso emagrecer, e a Glória Kalil q é feia faz o quê ?

  • Cristiane Oliveira

    É realmente um absurdo existir pessoas que ainda têm qualquer tipo de preconceito. Sinceramente? Essa Gloria Kalil não merece sequer um comentário, pois é abominável qualquer tipo de desrespeito e preconceito, pessoas como ela somente aprendem a não falar, pois a pensar infelizmente não temos como proibir, é quando recebem processos, aí sim, pensarão mil vezes antes de abrirem a boca e nos desrespeitar desse jeito, igualzinha a Hebe também que disse em um programa de TV que a Geisy Arruda é feia, pq. é gorda, francamente, ela pode não ser o tipo de beleza padrozinada que temos por aí, mas independe se é gorda ou não e para se retratar a Hebe na semana seguinte levou modelos gordinhas, pode a hipocrisia??

  • Jéssica

    tenho apenas 17 anos, mas já sofri mto com o preconceito das pessoas. Hoje me aceito como sou… Cada um é como é… Acho muito ignorante a pessoa q julga ou tem preconceito em respeito as pessoas acima do peso… como foi falado no programa da Eliana, “gordura não é sinal de doença” até porque, há pessoas que tem tendência a engordar ou simplesmente tem uma ossadura forte, avantajada, o q é meu caso, segundo a médica… Gordinha tbm é sexy e tem seu charme… Acho mtas magrinhas bonitas, mas tbm há mtas gordinhas lindas, como as modelos do MULHERÃO… achei mto legal essa atenção que deram a nós gordinhas nessas últimas semanas….
    é bom saber que alguém ainda reconhece que ser gordinho ñ tem nd de ANOMALIA…
    BJUXXX…

  • evelyn

    oi gente, achei um absurdo esse texto da gloria kalil… que ela se exploda! ridicula!
    vi o site de vcs na ana maria braga e amei!!!
    agora a gloria vai dizer q vcs sao feias? que a preta gil eh feia?
    um absurdo isso!!!
    sou gorda e linda!
    namoro a 4 anos e tem mto homem batendo na minha porta!!!
    manda essa gloria kalil se olhar no espelho

  • Marta Coan

    Olá meninas. Parabéns pelo lindo trabalho que vocês estão fazendo por nós. Pelas entrevistas que vi de vocês, assim como a maioria, entendemos perfeitamente que não estão fazendo apologia nem ao gordo, e por outro lado nem ao magro, mas a sermos felizes como somos, cuidando de nossa saúde. Mas, alguns entenderam que estão fazendo apologia a “ANOMALIA”. É por isso que o Brasil não vai para frente. Pois uma pequena minoria, como a Sra Glória Kalil ( desculpe se escrevi alguma palavra errada, tenho “ANOMALIA “, pois como a maioria da população brasileira, não tenho formação universitária), tem a voz falante, pode expressar a sua opinião nos meios de comunicação. Tenho 42 anos, 1,59 cm, e peso 121 kg, sou casada, tenho uma filha Maria Eduarda de 6 anos, para qual tento ensinar que nem todos são iguais. Somos baixos, altos, magros, gordos,alguns são especiais por suas deficiências, e tantos outros. Meu marido, Alexandre, tem 1,95 cm, é magro como uma taquara, e a nossa pequena e grande família é assim. Certa ou errada, não sei, mas somos felizes. Assim como a Renata, se fosse fácil, gostaria muito de pesar menos. Mas procuro me aceitar como sou, com meus defeitos e qualidades. Deixo o meu parabéns a todas as meninas que participaram dos desfiles, e espero que possam surgir mais eventos como este em todo o país. Nós aqui no sul esperamos anciosamente. Beijos a todas. Marta, Canoas, Rio Grande do Sul.

  • ana paula

    E renata infezlismente vivemos em um mundo onde uma pessoa que ofende a outra faz sucesso como essa gloria que de gloria so tem o nome, as pessoas tem que aprender a aceitar as pessoas como elas sao e nao como gostariam que fossem.

  • Aline

    Oi! Fiquei emocionada ao ver a matéria com vcs no Mais Você. Demorei um pouco para acessar o blog, mas confesso que estou apaixonada.
    Estou fazendo 25 anos hoje, me formei há um ano e meio na universidade e sabe porque eu não encontrei emprego ainda??? Peso!!! Acreditem, na verdade é só isso. Pois se eu tenho as qualificações para o cargo, moro próxima a empresa, qual seria o impedimento?? Minha saúde está ótima. Não tenho diabetes, minha pressão é baixa, sei que deveria fazer exercícios, mas não para emagrecer.
    E no entanto só o que ouço é: “emagreça!”
    Foi então que vi vcs na TV. Olhei o blog e – meu Deus! – me deparei com essa matéria horrível da Glória Kalil. Eu gostava de ver as dicas dela, mas agora… nem sei o que dizer!
    Agradeço a vcs por existirem e espero que essas pessoas preconceituosas encontrem algo melhor pra fazer em suas vidas.

  • Ao contrário do que diz a Glória Kalil, as pessoas sao sim como os carros: tem vários tamanhos, cores, formas.

    O que tem que ser “perseguido” nao é estar dentro dos padroes ditados pela moda, é se sentir bem. Se você acha que vai se sentir melhor com uns quilos a menos, coma um pouco menos e faca exercício, sempre dentro do que é saudável. Se você está feliz com seu manequim 48 e comendo chocolate todo dia, ótimo!

    Sao escolhas que as pessoas fazem, dentro do que a genética ou outros fatores (como os psicológicos) permitem. A gente nao escolhe a nossa genética, mas escolhemos quantos bombons comemos. Temos que ver o que nos faz mais feliz: desfrutar um belo sorvete num domingo á tarde ou ver que aquela calca que você comprou apertada finalmente fechou direitinho.

    Querer encaixar as pessoas em um padrao é ridículo. Cada um no seu cada um, como diria um amigo meu! E viva a diversidade!

  • EU AMEI TODAS AS ROUPAS MAIS O VESTIDO LISTRADO É MARAVILHOSO.

  • Karol

    Não acredito que li isso.
    Para uma mulher tão bem conceituada, fez uma das maiores idiotices que poderia ter feito.
    Anomalias.
    Não existe um padrão. Cada um é um. Cada mulher é linda como é. Gordinha, magrinha, médinha.
    Preconceito é falta de fundamento.

    beijo grande, e sucesso Mulherões!

    Karol Serpa

  • Adriana

    Glória Kalil, você teria coragem de falar isso na cara do Jô Soares ou outras pessoas famosas com sobrepeso ou obesidade? Não, né? Elas são importantes pra sua imagem tb… saquei.

  • Marly

    Que país vive Glória Kalil?
    Não somente no Brasil, mais mundialmente falando o mundo são de pessoas gordas.
    E fácil falar sobre obesidade, anomalias, quando se e esquelética igual à Glória.
    Mais quero ver ter problemas hormonais, fazer caminhadas de segunda a sexta-feira e academia de segunda a sábado, e não comer, arroz,feijão,macarrão,lasanha,doces,refrigerantes e quando vai pesar eliminou 200,300,400 gramas?????
    Por causa de pessoas assim, que “entendem” de moda, é que os mulherões são discriminados e essa ditadura de magreza é levada até as últimas conseqüências.
    Por acaso ela é médica, tem que abrir os olhos para a realidade e parar de descriminar as pessoas, pois gordos são gente também, precisam de se vestir, trabalhar, ir às festas…
    Burrice de quem ainda não percebeu esse grande investimento e abram muitas lojas no varejo para pessoas gordinhas… É muito mais sexy uma gordinha do que uma esquelética acorda Glória, em que mundo você vive heim?
    Estou bege com sua atitude, você foi desprezível em seu comentário, foi infeliz… Aproveita que e sócia da Rede Globo e trata de fazer uma retratação.

    Saudações

    Marly

    • Amei essa resposta da Marly,adorei ela foi fundo no seu comentário e até o momento ,não vi nenhuma retratação da parte da magérrima Glória…se ela olhasse melhor no espelho,vai ver que falta um pouco de carne no rosto dela.

      Talvez ela deve estar com problemas de memoria e pensar que mora em um país onde todos são esqueleticos igual a ela.
      ACORDAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

      Paula

    • Bom dia.
      Obrigada pela publicação do meu comentário sobre Glória.
      Quando enviei o comentário eu esqueci de colocar meu sobre nome,se der para vocês colocarem,fiquem a vontade.
      Se não a Sra. Glória vai achar que são outras pessoas que escrevem.
      Sou de verdade.

      saudações.

  • Fabiani

    O mais curioso de toda a discussão é que parece que ninguém leu o texto na íntegra… Será que ninguém reparou que ela está falando que os extremos são anomalias? Olha a frase dela: “…As duas são anomalias e nem de longe padrão de beleza para ninguém da cultura ocidental moderna”.

    Agora entendi porque dizem que uma pessoa alfabetizada não é aquela que sabe ler e escrever, mas aquela que consegue ter o entendimento e compreensão da mensagem.

    Outra curiosidade: por que só as gordinhas se sentiram ofendidas? Não vi nenhuma manifestação das anoréxicas… E tenho certeza de que assim como eu, algumas delas também devem ter lido esta matéria. Aliás, a magreza é a imagem padrão que o mercado tenta impor. E é a imagem que a própria Gloria também se mostra contra. Ou seja, se existe um ranking de ofendidas, em primeiro lugar estariam as magrelas.

    Falo isso pois lutei muito contra a balança e desisti. A minha conclusão é que antes de vocês exigirem que o mundo aceite a obesidade, é que vocês mesmas se aceitem. Pois ao ver tanta gente milindrada, fico com a certeza de que nem mesmo a gordinha se aceita.

  • Edilaine

    É inaceitável que num mundo onde o combate ao preconceito é uma luta diária, nos deparemos com comentários indecentes e infelizes como esse de Glória.
    Alguém pode me explicar onde está escrito que o belo deve ser necessariamente magro? O que há de errado em ter uns kilinhos a mais? São esses kilos que nos fazem piores que os demais?
    Será que ela não percebe que é essa ditadura da magreza que leva nossas jovens a procurarem clínicas de fundo de quintal para fazerem lipoaspirações porque o mundo não aceita seu manequim 40 e tantos? Ela já ouviu dizer q anorexia mata? Que os casos de suicídio são desencadeados pela depressão decorrente exatamente da não aceitação da sociedade?
    Desculpe mas anormal pra mim é gente sem cérebro. O que lhe falta no ponteiro da balança lhe falta também em conteúdo.
    Meninas, corram para suas latas de brigadeiro. É melhor um kilinho a mais do que um cérebro de azeitona!
    Gatas, saúde sempre!

  • Marina Iessenco

    Ok, e ela se acha a dona da razão agora? Desde quando beleza está necessariamente ligada à ser magra?
    Tenho sobre-peso e já sofri muito preconceito por isso. A maioria vem de pessoas que consideram ser ‘magra’ uma obrigação social.
    Tá, e eu com isso? Se eu tenho uma pré disposição genética a ser gorda, pq não posso ser bonita dessa forma? A Gloria me decepcionou, fato.
    Eu posso me vestir bem, posso ser sexy, posso ser querida, posso ser desejada, posso fazer o que quiser.. (tá, não posso entrar num manequim 36.. rs), por que eu seria considerada uma ‘anomalia’? De verdade, Gloria atolou o pé na jaca ao utilizar este termo! Me senti o próprio Frankstein! Cada coisa…
    Como alguém disse em um dos comentários, prefiro ter uns quilos a mais do que um cérebro de azeitona. Graças a Deus, inteligência é o que não me falta!
    Lindas, we got the power! Beijos!

  • Rodrigo

    Olha a turma da bolimia/anorexia aí defendendo o indefensável.

  • Renata
    Parabéns pelas suas palavras a respeito do que a Glória Kallil escreveu.
    Você é muito inteligente.
    A Julia Pires é lindaaaaaaaaa.

    Quanto a Glória Kallil, não quero nem perder tempo falando sobre ela, não merece meu tempo.
    E tbém você ja disse tudo muito bem dito sobre o assunto.

    beijossss e Parabéns pela organização do desfile pra você Renata e pra Andrea.

  • Juh

    Nem sei como começo este cmt pq nunca li tantas tonterias ao mesmo tempo e eu q era uma Admiradora dela ….Opiniões todos nós temos este direito e se expressar é uma obrigação …mas vc padronizar uma idéia e insultar outras é um assunto para se refletir .Glória khalil é preconceituosa e sem nenhum jeito com as palavras e foi super infeliz no seu texto . Querida Glória Sou gorda e não tenho um problema se quer de saude e ninguém me dá a idade q tenho q é 32 anos bem vividos e há muiito tempo resolvida comigo mesma, então vc precisa se interar de dois assuntos , moda ( nunca pensei q fosse diizer isto a vc) e de saúde , q nem todo gordo é diabetico e sofre do coração….Agora meninas me desculpem pq além de ter corpo não importa se ele é pequeno medio ou grande porte ….beleza também conta , pq Isabelli Fontana é belissima eu sei … mas pra mim beleza tem toda uma nuvem …é um conjunto de coisas q se os estilistas Vissem e usassem venderiam muiito mais suas roupas … se for interior ou exterior tanto faz ….diziam alguns …. ou quem gosta de interior é decorador … ou esta famosa frase ” Me desculpem as feias mas Beleza é Fundamental” ….então Glória.

  • Se a Gloria Kalil quiser saber qual foi o jeito que encontrei, durante muito tempo, para manter a forma (Manequim 38, rostinho fino e tal) eu digo: muita anfetamina pra tirar a fome, laxante e diurético para eliminar os “excessos” e remédio para tireoide para acelerar o metabolismo.
    Hoje parei com essas loucuras, mas ainda tento me encontrar pois me sinto mal numa sociedade que me faz acreditar se uma anomalia.

  • Patricia

    Em primeiro lugar quero parabenizar pela iniciativa do blog…..uma grande sacada!!!!

    Trabalho no mercado de publicações de moda há 17 anos, neste tempo meu corpo passou por algumas transformações. Já pesei 55 kg com 1,67m, mas sempre tive pernão e bundão, já usei tam 38 durante grande parte da minha vida, já fui miss, já pensei em ser modelo de tanto falarem o quanto era bonita, mas percebi que não era minha praia.

    Tenho dois filhos , um deles nasceu quando eu tinha 20 anos, engordei 25 kg, que rapidamnete foram eliminados, para as mais jovens é bem mais fácil.
    Comecei a engordar logo que terminei a faculdade e fiz todo tipo de dieta e o efeito sanfona me pegou. Aos 30 tive minha segunda gestação e engordei mais de 30kg, desde então não consegui emagrecer como antes. Hoje aos 35 anos, 1,67m e 82 kg, dois filhos lindos (que valeram cada quilinho extra) sou uma gordinha extremamente feliz, saudável (faço exames regularmente e nada tem de ANOMALIA, na minha saúde) , me exercito, como de forma moderada e saudável , mas não consigo mais voltar a ter o corpo que tinha antes, fazer o que ???? me descabelar, chorar, ficar deprimida???? NEM PENSAR !!!! sou gordinha sim !!! e mesmo assim bato no peito e digo para quem quiser ouvir “SOU BONITA PRA CA…….”
    Nunca deixei de usar meus biquininhos, de cuidar dos meus cabelos, de sorrir muuuuuito, de ser feliz. Nós somos aquilo que queremos ser, não o que os outros esperam de nós.

    Digo tudo isso, exatamente por sempre estar rodeada de mulheres lindas, altas, magras, extremamente bem vestidas, profissionais de moda muuuuuito bem conceituados e posso afirmar que com raríssimas excessões nunca fui excluida ou senti qualquer tipo de preconceito devido ao meu sobrepeso, muito pelo contrário eu só me divirto muito e realmente faço parte dessa turma.

    Por isso me surpreendi com o artigo da Gloria Kalil, até por que como formadora de opinião é muito perigoso falar dessa forma generalizada sobre que tem seus quilinhos sobrando, pois nem todo gordinho é um doente (falo isso por mim….colesterol OK, sem diabete, pressão alta, etc).
    Concordo com ela que os extremos são perigosos, tanto da obesidade quanto da magreza, (conheço pessoas magras que tentam de todas as formas ganhar um pouquinho de peso e assim como nós que tentamos por vezes emagrecer também não conseguem, isso não faz deles anoréxicos nem ANOMALIAS).
    Mas respeito é bom todo mundo gosta, sejam os GORDOS ou MAGROS !!!!!!
    Portanto Sra. Glória Kalil, não julgue para não ser julgada, afinal quem não tem teto de vidro que atire a primeira pedra !!!!

  • Giovana Mazzer

    Gente parabéns pelo blog e pelos comentários

    Acho tudo questão de respeito pelo ser humano… atualmente se fala tanto ( e com razão), em respeito a raças, opções sexuais , as diferenças… Porém quando uma forma de inclusão, aparece na midia ela é tida como aberração???
    acho sim que todos devem ser saudáveis independente do bio tipo herdado… e em um país tão missegenado como o nosso, nada mais normal que pessoas com o corpo em formas, tamanhos difererenciadas!!

    É uma pena que em 2010 ainda se pensa em diferença como aberração….
    abraços

  • só uma palavra descreve tudo isso: lamentável!

  • Penso que comer, calçar, morar e vestir são necessidades de primeira ordem à sobrevivência dos frágeis seres humanos.
    Viemos ao mundo em variados tamanhos e formas e necessitamos nos vestir, sendo assim, fazer roupas que sirvam em diferentes tipos de corpos não pode ser considerado um luxo. É sim uma questão de necessidade. Pessoas gordas e magras sempre existiram e sempre existirão.
    Querer julgar obesidade e anorexia dentro de um conceito estético é fazer um juízo moral das coisas. Como se ser bom fosse sinônimo de bonito e como se magreza excessiva ou sobrepeso coubessem nesse tipo de classificação.
    Discurso vazio, sem qualquer fundamentação científica naquilo que diz respeito à área da medicina. Lixo.
    Eu diria que anomalia é o texto da citada jornalista.

  • Luciana Correia

    Oi Rê, tentei fazer um comentário lá no site da senhora Kalil e, infelizmente descobri que precisava fazer o cadastro. Pois bem, fiz e por 3 (verdade, três) vezes seguidas houve um “erro de página”, sendo que o site se desculpou por isso.
    Então, já que minha resposta está prontinha (e entalada aqui na garganta), vai por aqui minha resposta (se vc permitir, é claro… hehehe).
    Agora, o santo “control c” e “control v”… kkkk

    Só posso lamentar que nesse mundo real ainda existam pessoas que pensem como vc. Sua desatualização e péssimo gosto nos comentários são absurdos e desatualizados.
    Taxar uma gorda (não somos “gordinhas” como vc comentou, somos gordas mesmo, afinal a definição usualmente conhecida não é gorda ou magra? Então…) da forma como vc taxou só mostra seu preconceito deslavado e deprimente.
    Aceitar o “normal” como gordo ou magro é a mesma coisa como definirmos como normal em uma mulher ser loira ou morena, alta ou baixa, branca ou negra… Acorda pra vida, querida! O mundo está acima do peso… O que não significa que todos são doentes ou preguiçosos.
    A maioria da população não tem dinheiro pra academias da moda, apoio psicológico ou nutricional, acesso a cremes e tratamentos em clínicas, nem mesmo dinheiro pra pagar plásticas, lipos ou outros tratamentos cirúrgicos, viu querida? O mundo não é feito de socialites que se sentem (ou acham) no direito de pronunciar um absurdo como o seu em um veículo de comunicação tão poderoso quanto a internet.
    Uma mulher pode sim ser gorda e ser bonita e muito amada. E pode desfilar de lingerie quantas vezes tiver vontade e for chamada. E te garanto que será muito admirada por várias pessoas que se acham (e são) lindas ou àquelas que se escondem por trás de sua gordura, ficam dentro do armário, exatamente porque acreditam em absurdos como os que vc pronunciou ou pessoas de pensamentos tão pequenos quanto o seu.
    O mundo é acima do peso querida. Mas não a culpo, porque afinal pessoas de mais idade tem mais dificuldades em aceitar e enxergar as mudanças.
    Fique em seu mundinho arcaico então. Mas deixe o nosso em paz. Do contrário, esteja preparada pras consequências que uma internet mal usada por ter.

    Em boca fechada não entra mosquito… O peixe morre pela boca… Reconhece esses ditados? Sim, são do seu tempo… Deveria tê-los aprendido.

    A teoria é sempre muito linda. Vejo pessoas como vc dizerem que uma pessoa deve valorizar o que se tem ou que deve se aceitar da forma que é, quando na realidade pensam (no seu caso, escrevem) o inverso. Veja o exemplo. Vc é ridiculamente horrorosa e fica pagando de gatinha em programas, usando acessórios e maquiagem que nada condizem com sua idade… E não continua aí? Então, nos deixe aqui…

    Acorda pra vida! Atualize-se… Vá ler um livro (atual), busque uma profissão (afinal, qual é a sua? Socialite? A “faculdade” que vc estou não ensinou as boas maneiras que vc prega em suas entrevistas? Ser chique é aceitar as diferenças e não agir com tanto preconceito, principalmente em um país com tantas diversidades como o nosso).

    Luciana Correia – Jundiaí – Psicóloga (e, embora vc não tenha NADA com isso, gordinha e MUITO FELIZ).

    * Ah! E vê se resolve o probleminha do seu site. Ou será que o erro é proposital? Fala o que não quer mas não que ouvir as respostas? Acorda!

  • Rosie B

    Absurdo. Fiquei surpresa com a Gloria Kalil. Nao estou “desfazendo” de ninguem. Isabeli Fontana é maravilhosa, sou sua fã, mas se ela, modelo, não for um cabide, juro que nao sei o que é. Sua profissão é modelo, ou seja o cabide do produto que esta “apresentando”. Assim como uma modelo plus size tbm é considerada “cabide” do produto que apresenta. Se existe o SPFW, que grande parte das grifes vc acha roupas no máximo até o tamanho 42, qual é o problema de existir o FWPS?! Pra mim uma mulher independente de pesar 50 ou 100 kgs ela deve ter curvas, cintura, quadril, busto… sabe td marcadinho… isso sim é uma mulher “gostosa”. Ninguém aqui “ensina” a ser gorda, e sim que uma mulher deve se amar, deve gostar de si msm e não precisa se esconder. Creio que desde que vc tenha saude em primeiro lugar, vc não precisa se matar para ser parecida com alguem. Faço faculdade de Design de Moda e grande parte das pessoas que fazem odeiam este tipo “36” e pronto. Admiro ambos (SPFW e FWPS). E digo mais odeio o fato de uma mulher que usa a partir de 44 ser chamada de plus size. Mas tem que ser assim já que achar uma calça 44, 46 na forum, cavalera, m. officer, oprk, etc etc e etc, é algo praticamente impossivel. Enfim… Gloria Kalil caiu no meu conceito, já não a vejo como um icone que me inspirava. Chic é usar oculos escuros em um ambiente fechado. ME POUPE!

  • Carol Junho

    eu sempre procurei na tv ou internet,profissionais q entendessem de moda,estilo,até para eu pegar umas dicas,como faço muitas vezes aki no blog…Mas a Gloria caiu no meu conceito completamante.Que tristeza,chamar um ser humano de anomalia,um nao,varios.
    um comentario muito infeliz…

  • PRÉ-CONCEITO…

    Boa noite!!
    Sou de Porto Alegre e estou acima do peso a mt tempo, é uma luta constante pra que eu consiga perder peso, pois experimento roupas que poderiam ficar mais lindas em mim c eu foc mais magra, e ás vzs associo meu sucesso ao meu peso e sinto q nunk conseguirei me sobressair em algo. Sou solteira, tenho dois filhos, e é tão difícil arrumar alguém hj em dia que goste de nós do jeito que somos, confesso que qd descobri o blog, senti-me mais segura e esperançosa, saber que posso me amar, mas sem cair no “relaxamento” (pois muito excesso de peso pode causar problemas de saúde, por isso cuidados temos q ter para q ñ engordemos demais), isso me conforta, e ver esses desfiles, com roupas lindas, com mulheres seguras, que tem akele sorriso sincero no rosto, me deixa orgulhosa, ñ de ser gorda, mas sim de saber que posso sempre procurar o melhor pra mim…
    Qt a Glória Kalil, uma mulher experiente, com quadros de moda e etiqueta em programas importantes da tv brasileira, ñ sabe que “ofender” a diversidade brasileira, e o preconceito, ñ está dentro das regras de etiqueta, pq o estteriótipo tem q ser altas e magras?? As lojas estão kda vez mais preconceituosas tbm, onde o G´é P e o GG é o M, será q é uma febre glória kalil??? Pessoal, acordeeem, as gordinhas são lindas, maravilhosas e ficam bem em qualquer estilo de roupa, depende do formato de corpo e ñ do peso, altura, pq estampas só com fundo preto, estampas minis, listras verticais, calcinhas grandes, sutiãs sm bojo para n parecer maior, chega Glória, acorda vc tbm, e começa a abrir os olhos, pois dentro da tuas regras de etiqueta e dos padrões de beleza, ñ c encaixam 90% da população…tá na hora de tu rever teus conceitos, e ñ da população quase que inteira mudar pra encaixar-se nos teus conceitos!!!!
    E tenho dito!!

    bjks…amei mt o blog, qd quiserem me chamar pra fazer fotos…tô aki…hehhehehhehe…bjs

  • Michele

    Bem, a senhora Gloria pode ser entendida de moda, pode achar que ter sobrepeso é ser uma aberração, pode achar o que quiser afinal, como diz os mais antigos, lingua não tem osso!
    Porem, o que realmente importa para mim que tenho 1,55 de altura e 80 kg é o que pessoas não alienadas me dizem.
    Se eu sou uma aberração, ótimo, pelo menos sou autêntica e me dou esse direito.
    Ao ler esse artigo, mais uma vez sinto que não devemos, nunca, jamais, nos fazer de coitadas ou nos submeter a padrões inatingieveis por pressão social ou opinião de terceiros, o que importa é o que as pessoas realmente relevantes em sua vida acham, aquelas pessoas que se importam com vocês, amigos, familia, namorados e esposos, o resto acreditem, é so resto!

  • Bem, nunca fui com a cara dessa Gloria Khalil mesmo, acho ela uma fresca que fica dando uma de simpática para cair no gosto do publico. Esse tipo de opinião da parte dela não fico nem um pouco surpresa, mas uma vez acho lamentável, com muito das asneiras que ela fala e desse pessoal do ramo de etiqueta que cada vez estão mais perdidos, tentando nos empurrar padrões de etiquetas exacerbados, conceitos de beleza ultrapassados e querendo impor o que acham belo através de simpatia e uma emissora de tv, para não morrerem de fome e perderem seus empregos! Se magreza fosse sinomino de saúde era para se ter mtos idosos magros porém o que vemos é o contrário

  • Fernanda

    Primeiro: ela nunca foi uma mulher para se ter como referência. Ela é famosa e só. Não deveria nem receber tanta atenção de todas nós. Se a magrinha da esquina falasse que gordas são aberração você levaria em consideração? Famoso não quer dizer especial, aliás, pelo contrário. Geralmente pra chegar lá, tem que pisar em muita gente e sempre se achar superior.

    E outra: não é de bom tom falar CHIQUE. Foi muito tempo pesado e vulgar. O ideal seria substituir essa palavra por “elegante”, “bonito”. Só pra começar: os livros dela todos levam essa palavra.

    Ela não é tão elegante quanto pensa.

    Pra uma pessoa que se importa tanto com imagem, ela parece uma jeca, que ficou deslumbrada demais quando subiu no palanque.