30 de agosto de 2017 04:14

Backstage do Fashion Weekend Plus Size. O relógio marcava 5 minutos para às 18h. Há anos começamos o Fashion Weekend Plus Size pontualmente atrasados em uma hora. Parece piada, mas é sério. Virou uma espécie de ritual. E se nos trouxe sorte até agora, pra que mudar?

A fila de modelos da Mais Pano já estava formada. Todos muito concentrados. Pela primeira vez uma grife masculina abriu a noite de desfiles do maior evento de moda plus size do Brasil. Autorizei o início do desfile.

Entra o primeiro modelo. Ouço gritos vindos da plateia. Nossa, as meninas são realmente audaciosas! Mas como não gritar? Homens lindos, com roupas que os deixam ainda mais bonitos. Roupas que transmitem personalidade. Não é mais o uniforme do gordinho simpático. Foi isso que se viu na passarela: direito a um estilo próprio.

De repente, homens gordos de sunga entram na passarela do Fashion Weekend Plus Size. Gritos. Muitos gritos. Uma vibração digna de gol do Brasil em final de copa do mundo. Ual, mas para que tanto alvoroço?- você deve pensar. Se você tem um homem gordo em casa, sabe bem que na praia ou no clube, muitas vezes nem uma bermuda descente eles tem para se divertir, quanto menos uma sunga, com estampa moderna e caimento perfeito. Nada de reguinho de fora! Nada de bumbum exprimido ou saco esmagado. Homens gordos tem direito à roupa de banho confortável e pernas bronzeadas, não têm?

Izaquiel Winchester ostentando a cor do pecado para www.maispano.com.br

Emanuel Alvarez mostrando que homens branquinhos também têm borogodó – para www.maispano.com.br

Eduardo Rodrigues completa o trio de peladões da ww.maispano.com.br

Mas não foram só as aparições de homens gordos de sunga na passarela que tiraram o fôlego da plateia. Rogi Cezarino, chamou atenção do mundo plus size quando, há alguns meses, foi personagem do programa Profissão Repórter, da Rede Globo. No programa, mostrou-se um homem descontente com o próprio corpo, triste, abatido, derrotado. Convidado pela Mais Pano a desfilar, mostrou-se um novo homem, com personalidade, altivo, feliz. A Mais Pano faz roupas até o manequim 80. Não tem mais motivo para chorar, né, Rogi?

Rogi Cezarino  em sua noiva versão de si mesmo, para www.maispano.com.br

E novos talentos surgiram na passarela, como o carismático Umberto Junão. Dois metros de homem, esportista, jogador de futebol americano, e prova que ser um cara que usa manequim plus size não é sinônimo de ser sedentário. Um homão da porra!

Umberto Junão nosso viking plus size para www.maispano.com.br

E o que me deixa mais contente com a coleção plus size apresentada pela Mais Pano, é que as camisetas ganharam novas estampas, modernas, como estas usadas abaixo pelo gatão do Marcos Roberto e pelo Otávio Janecke. Antigamente, as confecções plus size tinham a porca mania de ampliar as camisetas sem se preocupar com proporção, ficavam com mangas enormes, ou com o comprimento que mais a deixava como uma camisola do que como uma camiseta. Veja bem, como a manga está certinha no braço dos rapazes.

Marcos Roberto e seus muitos tons de cinza para a www.maispano.com.br

Otávio Janecke o grisalho plus size mais charmoso do Brasil para www.maispano.com.br

Outra coisa que me incomodava na moda para homens gordos eram as camisetas polo sempre com muita cara de tiozão. Com aquelas listras enormes, sem graças. Olha esses dois modelos:

Quem pode me dizer o nome desse cara estiloso? www.maispano.com.br

Leandro Tadeu de polo e calça “sequinha” para www.maispano.com.br

Por fim, a grande liberdade (que só perde para as ousadonas sungas): homem gordo pode vestir roupa clara, sim!

Qual o nome dessa belezura, gente? www.maispano.com.br

Fiquei empolgada com esse desfile da Mais Pano e com este último Fashion Weekend Plus Size, por trazer outros três desfiles masculinos. Quero muito um colunista homem aqui para o Blog Mulherão. A coluna poderia chamar Homão, o que acham? hehehe

Visite —-> www.maispano.com.br