4 de março de 2010 12:34

Por Grazi Barros

Novamente aqui! Levando em consideração a toda polêmica gerada pelo primeiro texto, resolvi mais uma vez fazer novas entrevistas com a ala masculina, colher novos depoimentos e publicar aqui para dividir tudo com vocês.

Primeiramente, gostaria de deixar bem claro que antes da opinião masculina, o que mais importa é a sua opinião e o que você sente a respeito de você mesma, afinal, quem tem que gostar e se sentir bem é somente você! Você é a pessoa mais importante do mundo!

Pois bem, conversando com “os meninos” cheguei a seguinte conclusão: a verdade é que os homens ainda têm sim uma certa vergonha de assumir uma gordinha. Eles gostam de desfilar, de mostrar, exibir e para isso gostam de corpos malhados, sarados, bem padrão da TV. Não gostam de mulheres muito magras, todos, sem exceção

disseram isso, preferem carne do que osso.

Entretanto, percebi que esse tipo de homem que gosta do padrão de beleza imposto pela mídia, são homens que dão mais valor ao corpo físico do que aquilo que a pessoa é de verdade. Conversei com o oposto também, com homens que priorizam o ser, a alma e o conteúdo, o todo, e eles não têm nada contra namorar gordinhas, desde que não seja muito exagerada. Mas o que achei mais legal nesse tipo de homem, é que eles se preocupam com a saúde da mulher e por isso afirmaram que o ideal é o caminho do meio, ou seja, equilíbrio sempre, nem mais, nem menos porque  se a pessoa estiver muito acima do peso, fatalmente terá comprometimento na sua saúde. Não é uma questão de estética, é uma questão de sobrevivência!

Existem homens que preferem as gordinhas logo de cara sim, encontrei diversos deles, mas são exceção. A grande maioria ainda prefere o padrão de beleza da mídia, o que não quer dizer que não podem se relacionar com uma gordinha, podem sim, mas preferem , se for pra escolher ” de cara”, aquela que está dentro do padrão social de beleza. Bom, pelo menos ‘a primeira vista é isso, depois o que conta mesmo é o todo, a alegria, alto-astral e autoestima. Homem nenhum, nem ninguém, fica com uma pessoa baixo-astral, chata, que só reclama da vida.

Meninas, sinto muito se não era isso que queriam ouvir, afinal, a grande maioria dos homens ainda preferem o padrão quando é para escolher ‘a primeira vista, porém isso está mudando e os padrões estão sendo quebrados. As pessoas estão focando mais na alma e na essência e não no corpo e isso é tudo de bom!

Na verdade, não importa o que os homens pensam, não importa o que está fora. O que importa é você aquilo que você quer e quem é você de verdade. Chega de aceitação, chega de pensar no que o outro vai pensar, no que o outro quer, de ficar levantando bandeira para ser aceita. Não precisa nada disso, só precisa de você e suas escolhas de acordo com a SUA verdade e satisfação.

O foco agora é você. O que afinal, você pensa sobre você?!

  • Oi Grazi, o que vc disse é a mais pura e dura realidade!!!! Percebo isso nos homens que conheci e que não findou em algo mais sério. Há dias atrás conheci um cara muito bonito, papo-cabeça, gentil, mas o cara desapareceu do mapa, e sabe o que eu senti exatamente isso, não querem assumir para sociedade uma namorada gordinha, eles querem alguém pra exibir, fazer “inveja” para os amigos e dizer “olha o mulherão que eu tenho”. Coitados!! Fiquei pensando no que esse cara perdeu, concordo que os excessos não são bons, nem o 8 e nem o 80, o meio termo seria o ideal, mas o que uma mulher magra tem que nós não temos? Procuro essa resposta sempre que leio ou vejo situações assim onde a mulher gordinha é vista com olhos preconceituosos. Somos tão inteligentes, carinhosas, amigas, companheiras e amantes como qq outra. E mais que isso temos uma coisa que algumas mulheres não tem com seu próprio corpo ACEITAÇÃO. Simmm aceitação !!! Eu tenho isso, qdo estou com um cara que mereça a minha presença sou tudo que um homem deseja ter e mais, o que eles amam, de luz acessa e sem medo de espelhos! E acho que na verdade é isso que eles gostam do modo como somos e nos comportamos como mulher, temos tanto a oferecer, e queremos receber também claro, somos mulheres que amam verdadeiramente. Mas acredito que um dia esse “padrão de beleza” imposto venha a cair por terra, cada dia que passa me aceito mais e me amo mais !!! Sei que um dia vou achar o cara que goste de tudo que sou e como sou !!!
    Meninas sucesso sempre
    Fabi

    • Isso aí, Fabi!

      Eles gostam é do nosso jeito, isso que realmente apaixonaaaaaaaaaaaaaaaa, uiiiiii! Eu agora estou emagrecendo por ORDEM MÉDICA pq descobri uma lombalgia ciática e é devido ao sobrepeso e como faço massagem tb, vc imagina a minha coluna…e o mais engraçado é que vou precisar , dps que melhorar a coluna, de fazer musculação e muita abdominal pra sustentação kkkkkkkkkkkkk…vou acabar sarada, ironia do destino, mas tá bom d+, saúde é o que interessa, o resto não tem pressa e vou te contar um segredo: o cara que REALMENTE gosta de mim, me conheceu sarada, dps passei pra gordinha, mais gordinha, more, more…voltei pra sarada, gorda, enfim…ele sempre GOSTOU DO MEU JEITOOOOO, ISSO ELE NÃO ABRE MÃO , então, não interessa o corpo é da essência que ele gosta mais e isso já vai anos a fio…

      bjo no coração!

      • olha só Grazi como são as coisas né, mas sabe infelizmente a obesidade nos trazem problemas de saúde e não podemos descuidar dela de jeito nenhum, sem ela não somos nada! Mas é isso mesmo, cuide de vc e o que Deus te deu de mais maravilhoso sua vida !!! E olha homens que nos aceitam e nos amam assim eu diria que são especiais, sensíveis e inteligentíssimosssssss rssss. Sabem o que há de mais valioso em uma mulher, eu digo o seguinte que adianta vc ser linda por fora e não ter conteúdo? E nós somos lindas por fora e mais ainda por dentro. Me mostre uma gordinha feia (nunca vi rsss) …
        Grazi espero que vc fique bem logo, e que vc consiga superar isso tá !!!
        Beijosssssssssss

  • Valéria Simões

    Olá,

    Concordo plenamente com o que está escrito, tb conheço vários rapazes amigos meus que na teoria gostam e aceitam mulheres mais gordinhas, mas no fundo tem vergonha de sair com elas na rua assumindo-as publicamente, que dentro de casa ou a sós é “amorzinho, benzinho” e longe com os colegas é “olha que mulher gostosa, ah se eu tivesse uma dessas em casa”, mas quando perguntados se largariam aquela gordinha que tem em casa por essas gostosas, eles dizem que não o fariam de jeito algum.
    Quanto ao ponto que esse pensamento está mudando é só olharmos para o nosso lado e constatarmos que no mundo de hoje todo mundo (sem exceção) usa máscaras, seja no trabalho, na rua, em casa, e que todo ser humano carece é de atenção, de um sorriso (pq de triste já basta a realidade) e de carinho.
    Sendo assim cabe ao homem ou até mesmo a mulher se orgulhar de suas decisões e mostrar a outros que isso é “saber viver”, é “ser feliz”, é estar bem com as decisões tomadas e que vale a pena seguí-las.

  • Depois de ler seu texto, fiquei pensando… Durante muito tempo o preconceito já vinha da própria pessoa que está fora do peso, que se isola, sofre, se recrimina… então se nem nós nos aceitávamos, imagina para o resto das pessoas, por essas e por outras que eu sempre digo que esse é um problema que deve ser resolvido primeiramente dentro dos nossos corações. Primeiro temos que nos ver como pessoas normais, que não devemos nos privar da nada por estar acima do peso, devemos nos olhar no espelho e amar o que vemos, aí sim todas as outras pessoas vão entender que somos felizes assim e tudo se tornará mais fácil.
    Fico muito feliz que a cada dia essa realidade está mudando! Tenho certeza que daqui um tempo os homens vão perceber a grande oportunidade que estão perdendo não querendo “assumir” uma relação de verdade com uma gordinha! rsrsrrsrs

    Um grande beijo pra todas!

    Nêssa 🙂

    • eles acabam assumindo, amiga…quem ama, amaaaaaaaaa!
      bjooooooooooo

  • Rô Grigoli

    Concordo plenamente ! Infelizmente essa ainda é a realidade , mas acho que daqui a um tempo isso vai cair por terra .
    A mulher em geral já ganhou muito espaço , em todas as áreas e essa será uma que ainda teremos.

    Um bjassU enorme a todos os mulherÕes !

  • Oi Grazinha !!
    è menina sabe , mtus homens gosta de gordinha , e essa historia de ke não gostam de mulher bem GG , na minha cabeça é conversa…
    Eles podem até não admitir, pois eu não namoro, mais conheço meninas que são bem GG e abala bangu!!
    Enfin essa historia de que quando o homem conhece a mulher, ele tem ke gostar do intimo dela é conversa pois , quando conhecemos alguem , sempre tem algo que atrai no físico, e eu particularmente acho que nós GG somos bonita , tanto quanto uma magra “sarada”, pq nos gordinhas somos bonitas temos nossos pontos fortes!!
    Bjkas!!!

    • Isso aí, de primeiro é o físico sim que atrai dps vem o resto, e como já disse, quem gosta, gosta e PT SAUDAÇÕES!

      Eu por ex, qd conheci o homem que amo ele era sarado, anosssss passaram, hj com 40, já engordou um pouco, não é mais o mesmo, mas pra mim é a mesma coisa, até melhor, pq mais velho, maduro, calibrado e uma barriguinha é charmoso, né?! Desde que tenha SAÚDE, TÁ TUDO CERTO!

      bjão

      • Ô flor verdade, quando gosta , gosta!!!
        Fiko feliz ke seu amor pela pessoa ke vc ama não mudou pois, é ele ke esta ali tdos os dias do seu lado, ke te curte ke teama, felicidades , viva a felicidade!!!

  • Amauri

    Ola ! Vou dar um pitaco. A idade do homem influencia em muito a escolha. Qto mais “maduro” menos importancia se dá ao EXteriótipo (com X para caracterizar o exterior).
    Portanto, concordando em parte, vale o que a mulher é levando em consideração o que os homens pensam..
    Atte.

    • Isso aí Amauri, quanto mais velho, mais maduro, menos bobo e mais SÁBIO!

      bjo grande pra vc e mt obrigada!

  • Olha eu aí genteeeeeeeeeeeeee!!! É nóis na fita outra vez!

    beijão pra todasssssssssssssssss!!!

  • Oláaa..Sou nova nesta vida ‘Blogueira’ e tratei logo de seguir esse Blog por achar interessantíssima a forma como é discutida a questão do peso.
    Óbvio que a preferência nacional é o tipo ‘saradona’,e infelizmente temos poucos exemplos na mídia de pessoas acima do peso como protagonistas de algo,a não ser filmes de comédia,onde basicamente a gordinha é satirizada.Quando as pessoas,pararem de estereotipar o tipo ‘certo’ para se relacionar,vão perceber que o mais importante é o poder intelectual e o quão nobre é ter alguém divertida e feliz consigo mesma,ao invés de uma pessoa que só pensa em cultuar o corpo,esquecendo a delícia que é tomar um chopinho no fim do dia ou comer uns petiscos enquanto nossos namorados jogam sinuca.Alguém aí já leu a crônica do Arnaldo Jabor sobre a ‘Bunda Dura’?? É uma boa dica de leitura para os homens,e mulheres também,pois retrata de uma maneira irônica os problemas de um cara que adora ‘mulheres perfeitinhas’. Fica a dica.É só pesquisar o Título ‘A bunda dura (Arnaldo Jabor). Vale a pena conferir.
    Então é isso,parabéns pelo Blog,e sempre que puder,estarei passando para desejar sucesso,que nunca é demais..
    Beijos!

  • Olá, Grazi.
    Parabéns pelo texto. Concordo com muita coisa que você escreveu. Sem querer botar lenha na fogueira (mas já botando) o contrário também ocorre. Existem algumas mulheres (poucas, verdade, mas existem) que preferem o cara dentro dos padrões de beleza impostos pela mídia, ainda que esse cara seja um cafajeste, machista e vazio. E algumas destas mulheres não teriam coragem de namorar caras gordinhos, ainda que estes tenham excelentes virtudes. Isso que escrevi já aconteceu comigo durante a minha adolescência (e, com menos frequência, hoje). Infelizmente vivemos em uma sociedade que cultua fortemente a beleza e o exterior, muito mais do que o caráter e a personalidade. Não sei se você (ou alguém daqui do blog) já assistiu a aquele filme “O amor é cego”, com o Jack Black. Esse filme descreve bem o seu texto. Somos mesmerizados a acietar os corpos malhados e siliconados como único tipo de beleza e sinônimo de perfeição e relegar-mos a personalidade e o caráter abaixo disso.
    No mais é isso.
    Abraços e beijos.

    • AMANDA

      Então Rodrigo, acho que tanto homens quanto mulheres que estão fora do padrão de beleza sofrem muito preconceito. Mas ainda bem que tem as excessões como você, mas é raro. Eu prefiro mil vezes um homem gordinho do que um sarado. Acho muito mais bonito os gordinho.
      O que importa de verdade é o que a pessoa traz no coração, o resto é só o resto.

      Beijo

  • Ola, corroborando com o Rodrigo, ha mulheres que são muito felizes pois participaram do FFF (Faça um Feio Feliz) !. Ao contrario dos bombados, os feios tem que fazer mais para conquistar e superar as expectativas da mulher. Os bombados esperam ser conquistados e a mulher é que tem que se superar diante das outras para conquistar. Assim, a mulher que participa do FFF, acaba tendo como consequencia de fazer um feio feliz o simples premio de ter alguem que a vai fazer feliz.. Simples assim !!
    Atenção mulheres : prestem atenção !!!! (rs)
    Abraços

  • Sandra Lins

    Só tenho uma pergunta,o que é equilibrio, 80,90,100 kilos?O que é ser exagerada ou não ser,o texto é muito bom, e concordo com boa parte mas esse fato acima me deixou em duvida!
    um beijão

  • Amanda Coelho

    Sabe Grazi, as vezes é difícil se entender! Falo por mim mesma, tenho 22 anos, não me amo o tempo todo, acredito que muitas meninas “padrão” que eu conheço também não se amem 24 horas por dia. Mais uma das coisas que mais me irrita, é que normalmente quem se incomoda com o meu peso são mais meus parentes e conheçidos, do que eu mesmo. Mais respondendo sua pergunta, o que eu penso de mim?, penso que sou uma jovem mulher, prestes a me formar em medicina veterinária, inteligente, esperta, simpática, que não tem medo de dizer que não sabe, um pouco insegura quanto ao meu futuro, mais tenho certeza de que, pela pessoa que eu sou, e isso também inclui o meu corpo(ão), que terei muitas experiências legais na minha vida, profissionalmente e amorosamente.
    Como tem pessoas que gostam do azul, tem quem goste do amarelo. Sei que terei uma tampa para minha panela. E se eu demorar pra achar, vou me divertir procurando! xD
    Eu tenho que dar menos importância para o que os outros falam e pensam de mim, esse sim é meu maior defeito, nenhuma dessas pessoas me conhecem melhor do que eu (se bem que as vezes lendo aqui, parece que vocês conheçem).
    Admiro quem tenha coragem de colocar a boca no trombone e falar o que passou, expressar seus sentimentos tão publicamente, ainda mais com o número de gente por ae que nem se importa com o próximo. Saibam que o que vocês fazem é muito importante pra mulheres e jovens mulheres. Acredito que mudar essa sociedade está exclusivamente em nossas mãos, nós seremos as mães dos próximos meninos que estarão ae, paquerando e escolhendo as meninas. Temos que educar melhor do que as que educaram os que estão agora nas ruas!!!
    Aguardo os próximos posts.
    Beijooooo

  • Débora Rozo

    Não me imagino diferente do que sou,só me preocupo com a questão da saúde no mais sou
    feliz assim,as pessoas falam sim mas acho que é pra se sentirem um pouco melhor com elas mesmo.Tem dias confesso que elas até conseguem,mas vou me superando a cada dia!!!bj

  • Ada Cristina

    Olá, Grazi!

    Não havia lido o seu texto número 1 e após lê-lo, a parabenizo pelas palavras cheias de entusiasmos.
    Há um ditado que diz:Quem ama o feio bonito lhe parece…e eu sou a prova viva desse ditado.
    Meu primeiro amor foi um italiano maduro o qual minha mãe apelidou de Sherek…para mim, era o homem mais lindo…e eu para ele, era a linda!Nunca falou nada ofensivo sobre os meus quilinhos a mais…sempre ouvi: Gostosa, deliciosa, lindona,maravilhosa!!!! Quer algo mais gostoso de se ouvir? Mesmo com as minhas inseguranças, ele sempre me dizia que eu estava ótima!
    Na vida, muitas pessoas vivem da aparência e muitas vezes esquecem dos valores que cada um de nós temos, independente dos quilinhos a mais.
    Alguns amigos que tenho,não generalizando ninguém, afirmam que preferem uma mulher mais carnuda…gostosa mesmo…em que tenham o que pegar, apertar…rsrsrs…
    Enfim, seu texto nos estimula a nos amarmos mais e mais, a nos aceitarmos como somos…afinal por trás das gordurinhas existem pessoas que trazem um coração generoso, terno, fraterno…belo!
    Agradeço todos os dias por ter encontrado pessoas que demonstram carinho por nós MULHERÕES …sou outra pessoa depois de vcs!
    Grande beijo!
    Ada Cristina

  • Oiiii que interessante!!! Grazi!!!
    mas na boa? a primeira coisa que me chama atenção é uma mulher fofinha!!

    a gordura meesmo..o volume graaande!! as coxas grossas…peitãoo…braçoss… noossas eu amoo ver aqueles braços liindos de gordinha….hUUum…e o espaço? affff maraviilha!!!

    e a Beleza de uma gordinha é algo mágico…que chega até as vezes doer meu coração só de passar ao lado de uma fofis…afff…amo muito mesmo mulher gordinha!!!

    a melhor coisa é apertar as gorduras das fofinhas!!! eu adorooOoOoOoO!!!!; )

    beijokss a toodas fofiinhas liindas daqui!!!…amoo muuito tuudo isso” hehehe…
    beijokss Graziiiiiiii : *
    HuGo.

    • Hugo vc existe ???????????
      rssss
      olha ler o que vc escreveu me deixou super feliz, e mesmo sem te conhecer vi que vc é um cara inteligente e desprovido de preconceitos !!!!
      Adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii tudo que vc escreveu !!!!
      Beijos de uma gordinha feliz
      Fabi

      • Marcia

        Hugo vc é desse Planeta??

        rsrrsrsrs

        Parabens Hugo, por ser assim…pois são poucos os homens que gostão de falar oq realmente os atrai….eles falam sim…mais sempre da “sarada” e não da gordinhas….a realidade é a seguinte…todo homem ja saiu com uma gordinha e se não saiu tem voltade….so não adimite por orgulho “digamos assim”

        Beijinhos no seu coração….
        e continue assim sendo trasparente….

  • Keka Demétrio

    Amigaaaaa, arrasouuuuuuuuu!!!
    E olha só, me vejo tão tudo de bom que as vzs acho q exagero!!! kkkkkkkk
    Bem, sou mesmo exagerada em tudo, a começar pelo físico… não sou de poucas coisas, gosto mesmo quando a alma transborda!!
    Bjossssssssssss
    Te adorooooooo!!!!

  • Evelize

    Querida Grazi parabéns pela coragem do texto. O que você escreveu é o que vivemos diariamente na vida e não adianta tampar o sol com a peneira. O que acredito ser realmente importante é a mulher estar bem consigo mesma e jamais colocar a sua felicidade nas mãos de quem quer que seja. Penso que não devemos esperar a aceitação de ninguém para sermos felizes. Temos que viver dignamente e de maneira honrada, isso só atrairá para nossa vida pessoas iguais e assim, só assim, teremos do nosso lado pessoas de valor, sejam elas magras, gordas, pretas, brancas, carecas, cabeludas, etc etc.
    Beijos e minha admiração de sempre!

  • Obrigada a todos vcs que postaram, um a um, minha gratidão e amor!

    bjo enormeeeeeeeeeeee!
    SEJAM FELIZES HJ E SEMPRE INDEPENDENTE DE TUDO!

  • Cris Miranda

    Amiga Grazi

    Mas que saudade eu estava das suas matérias.
    Vc faz falta aqui nesse nosso espaço, viu!
    Não nos abandone, continue por aqui!
    Amei a matéria, acho que vc falou de forma muito realista. Essa é realmente a nossa realidade, temos que pensar na saúde tbm meninas.Essa coisa de se assumir, se aceitar é mto legal porém temos que priorizar a saúde, e se a gente embarcar nessa onda, duplicaremos nosso peso. Vamos praticar exercícios, comer saudávelmente, e claro, podemos comer besteiras, mas só de vez em quando. Tudo em excesso é prejudicial , hoje você pode até estar bem, mas futuramente será que estará? Eu me aceito numa boa hoje em dia, mas ainda quero perder peso, por saúde mesmo.
    Saúde é primordial meninas!
    Fiquem com Deus!
    Sejam felizes independente de terceiros, do que vão pensar, ou achar de vcs.
    Amiiiga Grazii…Parabéns
    Bjooooossssss

    • Crisssssss,

      Legal seu comentário, com saúde tudo fica legal, mas não só a física, a mental, espiritual tb, tudoooo…. mas hj eu não tô pra ficar ” falando”, tô numa de REALIZAR, MAIS AÇÃO E MENOS BLA´BLÁ BLÁ…( minha amiga me encheu tanto a cabeça hj com ” filosofia” que eu num tô guentando mais kkkkk….espiritualidade é bom mas tem limite, né?! Mas isso é outro papo meu, deixa pra lá em off te conto).

      O lance amiga, é ser feliz de qq jeito e o melhor aqui do blog são vcs, essas amizades que a gente faz e carrega no coração e eu não vou abandonar isso não, tá louca, Creusaaa?!

      bjo bjo e mais bjo!

  • Almika

    Uma boa matéria. Gostei mesmo. Mas a pergunta que não quer calar em minha mente é: o que eles realmente pensam que é uma gordinha? Pq tem o seguinte: a modelo Whitney Thompson por exemplo, é Plus Size. Só que, até onde sei ela usa tamanho 40. Quem usa tamanho 40 aqui, definitivamnete não se encaixa em “gordinha”.
    Mas vocês vão dizer “ah, mas existe uma diferença de números de lá pra cá” e tal. Mas a verdade, a grande verdade, é que dificilmente (quase impossível), você algum homem desse tipo sair com uma mulher tamanho normal. Quanto mais uma “gordinha”. A realidade é beeeem diferente.
    É lógico que cara a cara a maioria não vai ter a coragem de dizer que não.
    Uma vez vi ao vivo um ator conhecido (e bonitão) falar que o que mais gostava de olhar nos desfiles eram as bundas e as pernas das modelos. Fiquei passada. Passarela é o lugar mais inadequado pra se procurar bunda e perna, vcs não acham?
    Mas enfim, ainda bem que não dependemos só da opinião masculina para sobrevivermos, senão ai… meus… Deus.
    Moro em Santos, litoral paulista e é ridícula a situação aqui. O preconceito contra quem está acima do peso é nojenta. Tem muitas mulheres acima do peso por aqui, mas é impressionante como as agridem. Principalmente as mais novas.
    As mais velhas na opinião de muitos, não precisam levar sermão, afinal já estão velhas mesmo. Nem se enquadram na categoria mulher pra alguns. Não é coisa da minha cabeça, converso e conheço muitas pessoas que agem assim. É triste. É absurdo. Mas infelizmente é real.