8 de maio de 2012 08:10 comportamento

De dentro pra fora

Por Keka Demétrio

Me descobri assim, de dentro pra fora. Enquanto me olhava ao inverso sentia as dores do mundo que sufocavam minha visão do todo. Tadinha de mim vivia em um mundo tão pequeno que a casa de um caracol seria o universo. Talvez na época esse mundo fosse mesmo gigante.

Aprendi a me reinventar, e assim fui expandindo esse universo chamado vida própria. Calei-me diante das hipocrisias somando e subtraindo o que me era devido. Achei o fio da meada e passei a creditar a mim todos os meus sucessos e fracassos. Da dor sentida ao perceber tamanha monstruosidade interna surgiu o amor próprio que insistia em guerrear com estes monstros de diversas cabeças e um corpo gordo.

Fui me achando. Corria atrás de mim e às vezes me abraçava e acarinhava feito criança assustada em noite de tempestade. Nessa busca me perdi tantas vezes que acabei descobrindo todos os caminhos que levavam até mim. E se hoje me perco, busco outros rumos, outros espaços, me tornei infinita. Tudo parece ser muito pouco, ou vazio, entendi que mais do que viver preciso preencher a alma.

Descobri que gosto de sentir os olhos marejando, o corpo arrepiando e um leve sacolejar de cabeça de tanta emoção por não sei nem o quê. Posto isso, entendi que precisava viver uma vida que me dissesse alguma coisa, que me olhasse nos olhos e me fizesse acreditar que estava tudo bem, que eu fiz tudo nos conformes, ou não, mas que isso também não importava porque eu ainda me emocionava e isso era a prova de que o caminho estava certo. Era o começo de uma nova vida, o meio de uma trajetória e o fim de uma velha e enfadonha história sem graça.

Assim aprendi que tudo o que quero é perfeito, mesmo sendo imperfeito, principalmente eu. E que sendo assim vou ter muita coisa para sentir, porque nada vai ser igual, previsível e chato. E é assim que quero, é assim que gosto. Foi assim que aprendi a me sentir viva.

Quer trocar relatos de experiências sexuais e tirar dúvidas com outras mulheres gordas? Entre no GRUPO SECRETO DO MULHERÃO, no Facebook, com entrada permitida apenas para mulheres: Clique aqui para acessar

MAIS MATÉRIAS INTERESSANTES