7 de abril de 2014 02:47 Uncategorized

Modelos de saia plus size

Por Renata Poskus Vaz

Antes de começar esse texto gostaria de fazer um parênteses. Quando dou dicas de roupas que valorizam determinados tipos de corpos, não quero dizer que vocês, mulheres plus size, não possam fugir dessas “regras”. As dicas são para apontar aquela  roupa que dificilmente terá erro no seu biotipo, que cairá perfeitamente, é só uma sugestão, uma inspiração e não uma lei.

Eu mesma gosto de ousar e usar aquilo que dizem que jamais poderia. Uso saia colada, justinha e curtinha, com blusas chamativas, um look que, teoricamente, não valorizaria meu quadril estreito e meus seios fartos.  Faço testes, me olho no espelho e se gosto saio assim de casa.  Mas no começo eu precisava sim de orientação para me vestir melhor. E o que eu faço hoje é ajudar quem também precisa e me pede ajuda.

Sugerir roupas que “alonguem a silhueta”, que marquem a cintura etc, é para que essa mulher ressalte suas qualidades, valorize suas curvas e potencialidades. Não é uma tentativa de emagrecê-la ou de tentar negar quem ela realmente é. Gente, cuidado! Militância gorda é exagero. Somos mulheres, femininas, gostamos de moda. E se não nos importássemos em nos parecer mais ou menos bonitas, sairíamos por aí com um lençol amarrado no corpo.

Hoje, darei dicas de saias que valorizam as mulheres plus size.

Saia longa

Uma das grandes dúvidas de minhas leitoras é se gordinha pode usar saia longa. E se elas são permitidas também para baixinhas. Eu adoro saia longa e acho que ela combina com todo tipo de corpo e altura. A blogueira Ju Romano, do blog Entre Topetes e Vinis é bem baixinha (pelo menos comparada a mim). E muitos dos seus looks é com saia longa. Ela fica linda! veja só:

Repararam que ela usa uma blusa bem justinha por dentro da saia? E a saia é de cintura alta. Esse efeito  transmite a ideia de pernas mais longas e um corpo mais esguio, com a cintura bem marcada.  Vanessa Raya, do Blog Sapatinho de Cristal, usou o mesmo estilo, mas com uma saia mais clara e blusa estampada. Veja só:

Eu já sou mais alta e tenho quadril mais estreito que o delas, então usei a saia estampada (a foto está péssima, mas dá para vocês terem uma ideia), com a blusa por fora.

No Fashion Weekend Plus Size foram desfilados dois modelos de saias longas que eu achei um arraso. O primeiro foi esse, da minha coleção para a Marri Gattô, desfilado pela linda Babi Monteiro.  A saia tem fenda, mas é bem elegante, pode ser usada inclusive por uma convidada em um casamento:

Outra saia longa que deu o que falar no Fashion Weekend Plus Size foi essa saia longa da grife Aline Zattar desfilado pela modelo Carla Manso. A estampa em animal print, que não sai de moda nunca, cintura alta e em um tecido bem fluido.

Eu não gosto de looks de saia longa com blusas largas e compridas por fora da saia. Fica tudo muito largo e largado, ao meu ver. Tente sempre equilibrar uma peça larga (neste caso a saia) com uma mais justinha (neste caso, a blusa).

Minissaia

É outra saia que,  por incrível que pareça, combina com todos os tipos de formato de corpo. A minissaia é sensual, por isso, não tem jeito: quem a usa deve saber que inevitavelmente evidenciará o quadril. Mas isso não é um problema,  não é mesmo? Minha dica é que ao usar minissaia você use uma blusa mais comportada em cima. Equilibrando o look dessa  forma, não tem erro. Mostrou mais as pernas? Então maneire no decote. E vice-versa.

Este modelo abaixo, da grife Aline Zattar, exemplifica bem essa dica:

E tem mais esse aqui, da minha coleção para a Marri Gattô:

Saia sino

A saia sino é bem jovial. Desce grudadinha no quadril e soltinha na barra. Também  é chamada de “saia de babado”.  Ela ressalta bem o quadril e por conta do recorte do babado, acaba marcando bem a barriga, mas eu adoro, porque é super delicada. Veja esse modelo da Xica Vaidosa:

Esta é a que usei em minha última apresentação do Hoje em Dia, é da Kauê Plus Size:

E esta é da  Aline Zattar, em couro ecológico:

Saia lápis

Saia lápis é uma bem justinha, mais compridinha, na altura do joelho ou alguns dedos acima dele.  Que seja justa também na barra. Então,  ela evidencia o quadril.

Saia Reta

A saia reta é  parecida com a saia lápis, mas desce mais reta na barra. Dessa forma, ela equilibra o quadril,  não o faz parecer muito maior em relação  às pernas. É um excelente modelo para trabalhar. Como este modelo da Marri Gattô por Renata Poskus:

Ou como essas da La Moda Lidi:

 Saia godê

Saia godê é uma saia rodada que lembra bem aquelas saias de antigamente, dos anos 50. É perfeita para quem não tem quadril largo, que tem corpo triângulo invertido ou reto, sem cintura,  porque ele cria uma cinturinha e quadril largo, ou seja, deixa o corpo mais curvilíneo. Também pode ser chamada de “saia em a”, porque desce abertinha, ampla, como uma letra A. Mas é bom lembrar que nem toda saia em A é godê, ou seja, nem toda saia abertinha é rodada.

Mais uma vez, duas saias de sucesso que desfilaram no FWPS. A primeira da Marri Gattô:

E esta grande sensação, da Xica Vaidosa:

Saia midi

Saia midi são aquelas abaixo do joelho, algumas podem chegar quase ao calcanhar, mas não são necessariamente longas. Eu particularmente acho que essas saias ficam mais bonitas em mulheres mais altas. Este modelo é da Marri Gattô por Renata Poskus:

 

Gostaram? Ainda há muitas saias que não falamos aqui. Como a balonê, a finada mullet, a tulipa e a origami (que eu não vou mostrar nunca, porque acho feia pacas!rsrsrs). Outro dia faço um novo post, ok?

Quer trocar relatos de experiências sexuais e tirar dúvidas com outras mulheres gordas? Entre no GRUPO SECRETO DO MULHERÃO, no Facebook, com entrada permitida apenas para mulheres: Clique aqui para acessar

MAIS MATÉRIAS INTERESSANTES