17 de junho de 2015 02:35 Maternidade

Gorda pode ter parto normal?

Por Renata Poskus Vaz

Uma das maiores maldades que se pode dizer para uma gorda que deseja ser mãe é que por conta do seu excesso de peso ela nunca poderá engravidar. A segunda é que, caso engravide, ela jamais conseguirá ter filho de parto normal.

Mentira! Gorda pode engravidar sim e ter filho de parto normal. Pode não, deve!

valentine

Conheci Valentine Kasin, uma gorda linda, com IMC 32, que teve dois filhos de parto humanizado. Ela trabalha como doula, que é a mulher que dá assistência física e emocional para a grávida antes, durante e após o parto. Além disso, Valentine mantém um Blog chamado Mãe de Peso, que valoriza o parto natural e esclarece as dúvidas de muitos mulherões que, assim como nós, estão acima do peso que alguns “médicos” dizem ser o ideal para um parto normal.

Valentine reforça sempre em seu blog que ser gorda não é impeditivo para se ter um parto natural:

“as cesarianas em mulheres gordas são mais arriscadas do que o parto normal, por uma razão lógica: há mais tecido adiposo, portanto de difícil cicatrização. Muitos médicos nos humilham por estarmos ‘acima do peso’ e também nos induzem a cesarianas desnecessárias, colocando nossa saúde e de nossos filhos em risco”.

Bom, que existe uma indústria da cesária no Brasil nós já sabíamos, né? Mas no Blog Mãe de Peso, Valentine aprofundou bem esse assunto:

“Cesarianas são mais arriscadas para as obesas

A cesariana é uma cirurgia abdominal e, como tal, apresenta riscos para as mulheres de todos os tamanhos. Mulheres que se submetem a cirurgias de cesariana são mais propensas a hemorragias graves, infecções, cicatrizes dolorosas, coágulos de sangue, obstruções intestinais, readmissões ao hospital, e dor mais duradoura do que as mulheres que têm parto normal.

Além disso, ter uma cesariana aumenta chances de ter futuros problemas reprodutivos, incluindo diminuição da fertilidade e um aumento da taxa de problemas placentários da mulher.

Cesáreas são ainda mais arriscadas para mulheres acima do peso. Mulheres grávidas e obesas que passam pela cesariana tem taxas mais elevadas de problemas com anestesia, hemorragias graves, problemas com a cicatrização e infecções, do que as mulheres não-obesas que passaram pelo mesmo procedimento. *

Bebês nascidos via cesariana também enfrentam mais riscos do que os bebês nascidos de parto normal: eles são mais propensos a ter problemas respiratórios no período neonatal, a ter dificuldades para estabelecer a amamentação, e mais propensos a experimentar asma na infância e quando adultos.

Os médicos deveriam estar fazendo tudo ao seu alcance para diminuir a taxa de cesarianas – especialmente em mulheres obesas – mas em vez disso eles estão realizando mais cesarianas neste grupo do que nunca, arriscando a saúde tanto das ‘mães de peso’ quanto de seus bebês. Isso tem que mudar!

* ACOG Committee Opinion. “Obesity in pregnancy.” Obstetrics and Gynecology 2005 Sep;106(3):671-5.”

Neste link aqui, há o texto completo sobre a Cesária em gestantes gordas, que vale muito a pena ler.

Virei fã da Valentine e do Mãe de Peso!

Fan Page Mãe de Peso

Blog Mãe de Peso

 

Quer trocar relatos de experiências sexuais e tirar dúvidas com outras mulheres gordas? Entre no GRUPO SECRETO DO MULHERÃO, no Facebook, com entrada permitida apenas para mulheres: Clique aqui para acessar

MAIS MATÉRIAS INTERESSANTES