23 de novembro de 2018 04:01

Oi, gente! Estou muito emocionada escrevendo esse artigo. Há alguns anos, Babi Monteiro, Top Model e Miss Brasil Plus Size, sofre com a Doença de Crohn. Nunca nenhum contratante percebeu, porque Babi nunca se queixou de dores e sempre trabalhou com muito profissionalismo, honrando todos os seus compromissos profissionais.

Doença de Crohn —> Esta é uma doença autoimune de difícil diagnóstico, que pode afetar qualquer região do aperelho digestivo, desde a boca até o ânus. Entre os seus sintomas principais estão a diarreia, dores abdominais, fadiga, febre e perda de peso. Em caso de complicações, pode ser necessário o uso da bolsa de colostomia temporariamente, como aconteceu com Barbra, ou de forma vitalícia, em casos ainda mais graves.

Só que, um dia, Babi sentiu-se muito mal. Ao passar no pronto socorro, foi internada às pressas na UTI. Ela passou mais de 51 dias internada, sendo mais de 30 delas na UTI. Fez 3 cirurgias e acordou de uma delas com a bolsa de colostomia. Os médicos decidiram durante a operação colocar a bolsa para que seu intestino pudesse descansar e se recuperar.

Ela quase morreu. Antes de conferirem as fotos de Babi Monteiro de lingerie mostrando sua bolsa de colostomia, vejam esse vídeo com o depoimento emocionado da nossa musa, contando sobre a sua complicação (spoiler: não deixam de assistir o vídeo até o final, que que mostra a Babi dando os seus primeiros passos, depois de meses, na UTI).

 

Aliás, a Babi brigou muito com a gente sobre este termo “colostomia”, pois o que ela fez, de fato, foi uma ostomia. Mas a bolsinha é essa, idêntica, mas cada caso, cada complicação, faz com que seja acionada em uma região diferente do intestino.

Após sua alta hospitalar, recebeu orientações de conviver com a bolsa de colostomia por meio da AOSDF – Associação dos ostomizados do Distrito Federal. Hoje está saudável, ativa e cada vez mais bonita. Retomou a carreira de modelo e já fotografou algumas campanhas.

No vídeo, Babi falou por mais de 20 minutos, mas nós editamos para vocês e acabamos deixando de lado coisas que eram importantes para a Babi reforçar. Ela pediu, então, que destacássemos aqui no Blog Mulherão toda a sua gratidão por Deus, pelos médicos e enfermeiros do Hospital São Luis Anália Franco que a trataram, e também para todos os amigos e familiares que a visitaram ou que à distância torceram e oraram por sua recuperação. Fofa, né?

Para nós, a Babi é e sempre será um exemplo de superação, fé e vitória. E é por isso que a equipe do Blog Mulherão a convidou para produzir esse belíssimo ensaio. Obrigada à Janayra Martins por ressaltar a beleza da nossa diva, à Katia Ricomini pelos cliques incríveis e aos rapazes da AcquaVideo Produções pelo vídeo emocionante. Eu tô orgulhosa do trabalho que juntos realizamos! ♥

Babi poderia ter escondido sua doença, mas posou de lingerie expondo sua bolsa de colostomia para ajudar a aceitação de homens e mulheres que passam pela mesma condição e que se sentem desanimados e envergonhados. Em breve, ela fará a cirurgia de reversão e não precisará mais usar a bolsinha.

“A bolsa é pequena e por baixo da roupa é imperceptível. Dentro de alguns meses reverterei minha ostomia. Retirarei a bolsa e voltarei a usar o banheiro normalmente. Porém, já pensei em como seria minha vida se essa situação fosse irreversível. E a conclusão que cheguei é que eu seria grata de qualquer forma por minha vida e jamais deixaria de fazer o que gosto, de ser feliz, grata e de trabalhar”, Babi Monteiro.

Crédito das fotos (por favor, só compartilhe se der créditos):

Modelo: @barbramonteiro

Foto: @katiaricomini

Produção: @renataposkus do @blogmulherao

Beauty: @janayramartins

Vídeo: AquaVideo e @blogmulherao