27 de agosto de 2020 18:28 Sem categoria

Vale a pena fazer uma campanha no Catarse?

Neste sábado, fotografarei a nova coleção da minha marca Maria Abacaxita. Esta coleção só foi possível ser viabilizada porque minhas seguidoras e clientes colaboraram via campanha no Catarse, adquirindo vale-compras e financiando a coleção meses antes de ainda ser produzida. Este texto é para você, que tem um projeto e quer saber se vale a pena fazer uma campanha no Catarse.

O que é o Catarse?

O Catarse é uma plataforma de financiamento coletivo, em que pessoas divulgam seus projetos e buscam colaboradores que os financiem. É o primeiro site do gênero no Brasil, foi criado em 2011 e por meio dele mais de R$138 milhões foram arrecadados para os mais diferentes tipos de projeto, que vão desde campanhas ambientais, até projetos de moda, arte e cultura.

Por que escolhi o Catarse?

Com a Pandemia, eu fiquei sem capital de giro para investir em uma nova coleção da Maria Abacaxita. O dinheiro que arrecadei com as vendas destinei para as minhas despesas básicas pessoais e, com isso, precisava de capital, que não viesse dos bancos com seus jerus de empréstimos abusivos.

Então, surgiu a ideia de pedir esse dinheiro às próprias clientes, que já conhecem a marca, compram e adoram a Maria Abacaxita. Mas, ao meu ver, pedir sem ter um projeto bem desenhado que passasse credibilidade, não parecia inteligente tão pouco interessante.

Sites como o Vakinha, para mim, parecem mais apropriados para campanhas em que a pessoa doa por piedade e eu não queria esse ar de autocomiseração.

No Catarse, encontrei outros projetos como referência e entendi, desde o princípio, que deveria fazer uma campanha com recompensas, que fosse atrativo. A cliente não seria uma mera doadora, ela investiria e obteria vantagens com isso.

Entre todos os sites de financiamento coletivo, preferi o Catarse por ser o mais antigo e, aparentemente, o mais conhecido e com mais credibilidade. As chances dos apoiadores em potencial não ficarem com medo de eu sumir com o dinheiro e lesá-las seriam menores.

Como foi criar o projeto?

O Catarse é bem explicadinho, dá todo o passo a passo para a criação do projeto. Li tudo direitinho e, antes de criá-lo, pensei no quanto eu precisaria para fazer uma coleção pequena e defini o valor: R$8mil, já sabendo que 13% deste valor seria descontado como comissão pelo Catarse. É um valor bem alto, mas menor do que eu pagaria de juros para um banco.

Definido o valor, pensei nas recompensas.

Criei pacotes de R$500, R$1000, R$1500 e R$2000 em que a cliente reverteria todo esse valor posteriormente em produtos da loja e também participaria como modelo do nosso próximo catálogo. Vendi 8 cotas dessas.

Também criei uma ecobag e uma camiseta, que poderiam ser compradas pelos valores de R$50 e de R$100, com entrega grátis. Muita gente comprou as duas.

O Catarse também permite que os colaboradores doem valores menores, como R$10, R$20 etc, além de valores maiores, doados, sem a necessidade de recompensas e, para minha surpresa, recebi várias doações do gênero.

Coloquei fotos, expliquei certinho como funcionava cada recompensa e acredito que isso ajudou muito no sucesso da Campanha.

Como foi a divulgação da Campanha no Catarse?

O Catarse deixa claro que não tem obrigatoriedade alguma de divulgar as campanhas. Ele só cede o espaço na plataforma. Mas é claro que eu tinha muita esperança que eles divulgassem, já que eles tem uma sessão de projetos que julgam interessantes e colocam em destaque na home page.

Por ser um projeto de marca plus size, autoral e tão bem estruturado, esperava essa oportunidade e reconhecimento. Sempre que divulguei no instagram eu os marcava, ansiosa que pudessem se interessar e divulgar em suas redes sociais, em vão. Nem viram as postagens.

Ou seja, você só deve escolher o Catarse pelas funcionalidades da plataforma, para passar credibilidade aos apoiadores, não contando com a visibilidade que eles tem, que só serve única e exclusivamente para o Catarse e não para a maioria dos apoiadores.

Divulguei muito em minhas redes sociais e também por whatsapp para algumas clientes que julguei que poderiam se interessar. Para a minha surpresa, nenhuma das que eu achei que se interessariam compraram as cotas maiores. Fui ajudada também por pessoas que viram a Campanha nas redes sociais, me conhecem, mas que não contatei diretamente.

Nenhuma pessoa desconhecida por mim adquiriu uma cota. NENHUMA. Ou seja, o catarse não trouxe ninguém novo.

Então, devo usar o Catarse ou não?

Fazer um projeto de forma autônoma demandaria tempo para que conferisse os depósitos dos clientes na sua conta, misturaria com suas outras receitas. Usando o Catarse, você consegue voltar seu tempo exclusivamente para a divulgação e, com isso, adquirir mais apoiadores. O dinheiro também fica lá separadinho, só para isso. Para quem é desorganizado, é uma grande ajuda.

Se você não tem uma rede grande de amigos e clientes, se não tem contato direto com essas pessoas, ou seja, uma relação de amizade com quem consome seus produtos ou serviços, não aconselho a usar o Catarse. Você precisa ter uma presença grande e sólida nas redes sociais para obter êxito na Campanha. No Catarse há inúmeros projetos que não tiveram colaboradores ou que não atingiram a meta de sua campanha.

O Catarse demora cerca de 15 dias úteis após o fim da Campanha para transferir o valor para a sua conta. Se você tem pressa, talvez o Catarse não valha a pena.

Faria novamente uma campanha no Catarse?

Sim, eu faria. Desta vez mais consciente de que eles vão literalmente cagar e andar para a minha Campanha e que terei mesmo que contar unicamente com meu próprio esforço para atrair apoiadores.

Mas as funcionalidades da plataforma, incluindo relatórios, indicativos de tráfego, me agradaram e me ajudaram muito.

Dica

Boa sorte nos seus projetos, não deixe de sonhar e acreditar. Pedir ajuda não é vergonha. Sei que muita gente zombou de mim, riu pelas minhas costas, mas no final, eu venci. Se você acredita em você, não há mal algum em convencer apoiadores a acreditarem também e a te financiarem.

Para consultar o meu projeto no Catarse, já encerrado, acesse:

https://www.catarse.me/apoie_a_maria_abacaxita_moda_plus_size_847e

Quer trocar relatos de experiências sexuais e tirar dúvidas com outras mulheres gordas? Entre no GRUPO SECRETO DO MULHERÃO, no Facebook, com entrada permitida apenas para mulheres: Clique aqui para acessar

MAIS MATÉRIAS INTERESSANTES