4 de março de 2010 13:12 comportamento

Claudia Grycak do Blog Mulherão dá depoimento emocionado sobre como enfrentou a alopécia. Assista hoje, no final da novela Viver a Vida

Por Renata Poskus Vaz

Vocês que acompanham o Blog e ainda não tiveram a possibilidade de participar do Dia de Modelo talvez ainda não conheçam a Claudinha Grycak. Ela é casada com meu pai e é mãe de minha irmãzinha caçula, a Luizita, que no próximo mês completará 1 aninho. Claudia foi uma das participantes do Dia de Modelo em que fez um book de deixar muita modelo profissional com inveja. Depois, virou parte fundamental da equipe, ajudando em várias etapas da produção do evento.

Hoje, após a novela Viver a Vida, Claudia dará seu depoimento que serve de motivação para muitas mulheres. Ela tem 34 anos e após algumas passagens difíceis em sua vida e que afetaram a sua estrutura emocional, começou a perder o cabelo progressivamente, até ficar totalmente careca, o que a medicina denomina de alopécia total.

O cabelo representa muito para a identidade feminina.  Ele confere charme, beleza e transmite personalidade. Quando terminamos um namoro, mudamos de emprego ou nos preparamos para alguma situação especial cortamos o cabelo, o pintamos, escovamos… O cabelo é a moldura do nosso rosto e capaz de alavancar a autoestima feminina. E para quem não tem cabelo, assim como Claudia?

Como todas podem imaginar, não foi fácil para ela presenciar o próprio cabelo, lentamente, caindo. Foi dificil para Claudia lidar com o olhar de pena das pessoas. Mas contrariando a expectativa do ex-marido e de muita gente que achava que por falta dos cabelos ela perderia a sua vida social, Claudia se divorciou, fez um estoque de perucas e voltou a viver feliz, longe dos olhares maldosos allheios.

Casou-se novamente com um homem lindo, inteligente e maravilhoso (e que por coincidência é meu pai…rsrsrs), teve uma bebezinha  linda e continua trabalhando com satisfação. Hoje, bem-humorada, ela brinca com o fato de usar perucas. Disse que enquanto as amigas fogem correndo para não molhar os cabelos em um dia de chuva, que ela simplesmente pode retirar a peruca e colocá-la na bolsa.

Quando dei meu depoimento para a novela Viver a Vida, algumas pessoas com espírito pequenino insinuaram que usei da minha dor para me promover. Eu já havia comparecido em mais de dez programas de tv, já era conhecida nacionalmente por conta do meu trabalho e não precisava usar deste artifício na atual conjuntura. Claudia, muito menos. Ela não fez isso para se aparecer ou para ganhar algo em troca. Fez isso para que seu depoimento conforte e dê esperança para mulheres que, assim como ela, sofrem coma  alopécia mas não tem força ou coragem de continuar a viver a vida.

Quer trocar relatos de experiências sexuais e tirar dúvidas com outras mulheres gordas? Entre no GRUPO SECRETO DO MULHERÃO, no Facebook, com entrada permitida apenas para mulheres: Clique aqui para acessar

MAIS MATÉRIAS INTERESSANTES